Mercado fechado

Como calcular o coeficiente eleitoral?

Redação Notícias
·2 minutos de leitura
Agência Brasil
Agência Brasil

Com as eleições se aproximando, é muito importante que você se informe sobre as propostas, sobre os candidatos, promessas, partidos…e muitas vezes nos esquecemos de outros assuntos, que talvez sejam mais difíceis de entender.

Vamos explicar o cálculo proporcional que é feito nas eleições para eleger os representantes da Câmara Federal, Assembléia Legislativa e também Câmaras Municipais.

Mais sobre Eleições 2020:

Muitas vezes vemos dúvidas dos eleitores por não entender o por que um candidato, com um ótimo número de votos, não consegue uma vaga no Poder Legislativo, enquanto outro colega de trabalho, com menos votos, acaba sendo eleito. Nesse caso, o candidato que esteja no partido que recebeu o maior número de votos, é eleito. Isso acontece pois as Casas Legislativas distribuem as vagas de acordo com a votação recebida por cada coligação, ou partido.

Ou seja, confira muito bem qual partido seu candidato participa antes de ir às urnas, pois você também escolhe o partido que ficará no poder.

Como calcular coeficiente eleitoral?

Com o número total de votos válidos que um partido (ou coligação) recebe, é iniciado uma conta, uma fórmula que define proporcionalmente o número de eleitos.

Esse número então, é dividido pelo total de vagas disputadas. E essa divisão é chamada de Coeficiente Eleitoral.

Qual a fórmula do Coeficiente Eleitoral?

Quociente eleitoral (QE) = número de votos válidos / número de vagas

Vamos supor que um Partido A obteve 1.900 votos, o partido B 2.300 e o partido C apenas 500. Além desses votos, há os votos em branco (250), votos nulos (500) e quantidade de vagas (9).

Número total de votos: 5.459

Número total de vagas: 9

5.459 / 9 = Coeficiente Eleitoral

Que nesse exemplo, é de 606. Isso significa que o partido A e B terão direito à preencher as vagas disponíveis.

Claro que isso foi apenas um exemplo, você pode entender melhor nessa planilha do site oficial do Tribunal Superior Eleitoral.