Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.167,70
    -552,26 (-0,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Com a presença da torcida, Vasco reencontra Marcelo Cabo e busca a segunda vitória seguida na Série B

·3 minuto de leitura


Após vencer o Brusque, o Vasco terá um novo desafio em sua busca pelo acesso. Nesta segunda-feira, o Cruz-Maltino tenta reencontrar o caminho das vitórias em São Januário depois de dois empates seguidos. Para isso, o elenco e a torcida irão reencontrar um velho conhecido: o técnico Marcelo Cabo, que hoje comanda o Goiás.

O confronto marcará o aumento gradativo no número de torcedores na Colina Histórica. Depois dos 309 presentes no evento-teste contra o Cruzeiro, 7,7 mil ingressos foram colocados à venda e 3,3 foram vendidos antecipadamente, seguindo todos os protocolos sanitários. A presença dos vascaínos será importante para a reta final da competição em que a equipe necessita de uma arrancada histórica.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

O contato com os torcedores será uma novidade para o lateral-esquerdo Zeca, que desfalcou o time contra o Cruzeiro. A tendência é que ele atue no lado direito no lugar de Léo Matos, suspenso. Além dele, Andrey e Léo Jabá estão de volta ao time titular. O camisa 37 falou sobre o apoio da torcida no duelo desta segunda, em entrevista ao site oficial do clube.

– Será a primeira vez que vou atuar com torcida em São Januário. O apoio que recebemos desde o início da temporada foi através das redes sociais. Quando vinha jogar contra o Vasco aqui, os jogos eram sempre complicados, a torcida apoiava o início ao fim. Estou muito feliz com essa oportunidade. A presença da torcida vai ser muito importante para o nosso time – afirmou, e em seguida projetou o confronto com o Esmeraldino:

+ Vasco aposta no retorno da torcida para iniciar sequência de vitórias em São Januário na reta final da Série B

– O Goiás possui um time qualificado, que vem fazendo uma boa competição, então vai ser um jogo difícil. Temos encarado cada partida como uma final. Essa será mais uma decisão. Buscamos o acesso e temos trabalhando muito para conquistá-lo. Vamos com tudo em busca dos três pontos amanhã – disse Zeca.

Com a derrota do CRB para o Avaí, a diferença para o G4 diminuiu para 7 pontos e trouxe mais esperança ao torcedor vascaíno. Quatro pontos foram deixados pelo caminho contra os alagoanos e os mineiros, mas o Cruz-Maltino tem sido mais competitivo sob o comando de Fernando Diniz. O início de um trabalho em meio à pressão de voltar à elite do futebol brasileiro.

+ CBF altera data e horário do jogo entre Confiança e Vasco, pela 28ª rodada da Série B, em Sergipe

No início da temporada, o Vasco apostou em um treinador que conhecia bem a Série B e tinha feito boas campanhas em anos anteriores, sendo campeão com o Atlético-GO em 2016. Com uma campanha irregular e submerso em uma verdadeira gangorra, Marcelo Cabo não resistiu e foi demitido. Ele deixou a equipe na 8ª colocação com 18 pontos, com cinco vitórias, três empates e quatro derrotas na Série B.

No dia seguinte em que deixou o Vasco, Cabo acertou com o Goiás e desde o início da campanha conseguiu conduzir o time ao G4. Com muita regularidade, o primeiro momento de instabilidade chegou. Foram duas derrotas seguidas e uma delas no clássico contra o Vila Nova (GO). O alviverde tem enfrentado uma maratona e será o seu terceiro jogo em seis dias.

+ Vasco terá um desfalque e dois retornos para a partida contra o Goiás, pela Série B

Nesta segunda, o reencontro irá acontecer diante da torcida vascaína e oito pontos separam as equipes na tabela. Esse será o primeiro dos seis desafios que o Vasco terá na Colina Histórica até o final da Série B. Chegou o momento de não errar mais e deixar pontos para trás, sobretudo em casa. Nene e Cano seguem como as grandes esperanças de gols, muita entrega, e quem sabe mais três pontos na conta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos