Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.937,87
    +1.057,05 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.371,98
    +152,72 (+0,31%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,29
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.866,40
    -1,20 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    42.922,39
    -2.773,35 (-6,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.195,01
    -2,91 (-0,24%)
     
  • S&P500

    4.163,29
    -10,56 (-0,25%)
     
  • DOW JONES

    34.327,79
    -54,34 (-0,16%)
     
  • FTSE

    7.032,85
    -10,76 (-0,15%)
     
  • HANG SENG

    28.194,09
    +166,52 (+0,59%)
     
  • NIKKEI

    27.824,83
    -259,67 (-0,92%)
     
  • NASDAQ

    13.298,25
    -5,25 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4107
    +0,0008 (+0,01%)
     

Com J&J no limbo, EUA reformulam programa de imunização

Angelica LaVito e Fiona Rutherford
·3 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Comunidades nos Estados Unidos começam a repensar suas campanhas de vacinação para se ajustarem à indefinida suspensão da vacina da Johnson & Johnson, o que exigiu que autoridades remarcassem dezenas de milhares de agendamentos enquanto buscam tranquilizar a população de que os imunizantes contra a Covid-19 são seguros.

Profissionais de saúde estão divididos sobre se a pausa deve continuar. Por outro lado, a síndrome de trombose que causou a suspensão das vacinações com a J&J é séria e pode ser fatal. Mas, com as doses da J&J fora de circulação, isso significa que menos pessoas estão sendo imunizadas, enquanto variantes do coronavírus de rápido contágio avançam, e a preocupação em relação aos riscos pode aumentar o receio em relação às vacinas.

Os novos casos de Covid nos EUA sobem em um ritmo de quase 70 mil por dia, disse Rochelle Walensky, diretora dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, durante entrevista coletiva na Casa Branca na sexta-feira. As hospitalizações e mortes também aumentaram. O contágio das variantes “torna a corrida para interromper a transmissão ainda mais desafiadora e ameaça sobrecarregar nosso sistema de saúde novamente em partes deste país”, disse.

Hospitais, farmácias e departamentos de saúde fazem malabarismos para vacinar as pessoas que deveriam receber a vacina da J&J esta semana. Alguns programas importantes que dependiam da vacina de dose única, como para vacinar idosos em casa ou clínicas temporárias, foram totalmente suspensos. Autoridades tentam responder a perguntas e combater preocupações de segurança de uma população já cética.

A vacina da J&J está no limbo depois que conselheiros de saúde pública dos EUA concluíram uma reunião sobre a vacina na quarta-feira sem votação. O painel deve se reunir novamente em 23 de abril, disse Walensky na sexta-feira, embora várias semanas possam ser necessárias para reunir dados suficientes e tomar uma decisão. Na terça-feira, o CDC e a agência reguladora FDA fizeram uma recomendação conjunta para suspender a administração das vacinas da J&J depois que seis mulheres vacinadas desenvolveram uma forma rara e grave de trombose.

A Casa Branca insiste que a pausa não vai prejudicar a campanha de vacinação do país, dizendo que há doses suficientes da Moderna e das parceiras Pfizer e BioNTech para imunizar todos os americanos interessados até o fim de maio. Apenas 1,5 milhão de doses da vacina da J&J seriam entregues nesta semana. O governo diz que a mudança pode até aumentar a confiança, já que a suspensão temporária das vacinações com a J&J mostra que os reguladores estão levando a segurança a sério.

No entanto, uma pesquisa com cerca de 1,5 mil adultos mostrou queda de 15 pontos percentuais entre entrevistados que disseram considerar a vacina da J&J segura, segundo levantamento do YouGov. No entanto, a pesquisa não identificou uma mudança estatisticamente significativa na percepção das pessoas em relação às outras vacinas contra a Covid-19.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.