Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    33.962,11
    +1.553,38 (+4,79%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Com empate no Dérbi, Corinthians ultrapassará um ano sem vencer o Palmeiras

·1 minuto de leitura


Com o empate em 1 a 1 entre Palmeiras e Corinthians, o Timão completará um ano sem vencer o Dérbi.

O último triunfo corintiano contra o arquirrival foi no dia 22 de julho do ano passado, pela primeira fase do Paulistão de 2020. Desde então, foram sete jogos entre as duas equipes, com quatro empates e duas vitórias palmeirenses – dois desses empates foram na final do último Estadual, que teve o Alviverde campeão nas penalidades.

>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos
>> Baixe o novo app de resultados do L!

Neste intervalo, foram quatro jogos na Neo Química Arena, com duas derrotas e dois empates, e três no Allianz Parque, com dois empates e uma derrota.

No último sábado (12), o Timão saiu atrás do marcador, logo aos dois minutos de jogo, gol marcado por Raphael Veiga, e empatou no segundo tempo, aos nove minutos, com o ex-palmeirense Gabriel.

Como o próximo Dérbi previsto será pelo segundo turno do Brasileirão, próximo ao fim deste ano, o Corinthians ultrapassará um ano sem derrotar os palmeirenses.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos