Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    36.050,58
    +554,38 (+1,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Com dois gols nos acréscimos, Atlético(BA) e Bahia de Feira ficam no empate no primeiro jogo da final do Campeonato Baiano

·3 minuto de leitura


A decisão inédita do Campeonato Baiano teve um final de partida muito emocionante. No estádio do Carneirão, em Alagoinhas, Atlético de Alagoinhas e Bahia de Feira empataram pelo placar de 2 a 2. Os gols foram marcados no segundo tempo. O Tremendão abriu o marcado e o Carcará empatou. Nos acréscimos, o Bahia de Feira fez o gol do 2 a 1, mas tomou o empate no minuto seguinte.

CALENDÁRIO
A partida de volta entre Atlético de Alagoinhas e Bahia de Feira será realizada no próximo domingo, 23 de maio, às 16h, na Arena Cajueiro, em Feira de Santana. Quem vencer fica com o troféu de campeão. Em caso de novo empate, o estadual será decidido nos pênaltis.


A partida

PRIMEIRO TEMPO
ETAPA INICIAL SEM EMOÇÃO
O primeiro tempo entre Atlético de Alagoinhas e Bahia de Feira foi muito truncado, sem emoção e de poucas chances claras de gol. O único lance de perigo veio em uma finalização da equipe do Tremendão. Thiaguinho chegou na linha de fundo e tocou Jarbas, que bateu forte, mas a bola foi por cima do gol.

SEGUNDO TEMPO
ETAPA COMPLEMENTAR COMEÇA DE TIRA O FÔLEGO
Atlético de Alagoinhas e Bahia de Feira voltaram em outra rotação para a etapa complementar. Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Ronan abriu o placar para o time do Carcará. Mas o VAR anulou o gol.

A resposta do Bahia de Feira veio minutos depois. Thiaguinho aproveitou que a defesa do Atlético de Alagoinhas não conseguiu afastar o perigo da área e pegou a sobra. A finalização passou lambendo a trave do goleiro do Carcará.

O jogo era lá e cá. Aos 13 minutos, Alex Cazumba quase marcou de falta para o Bahia de Feira. Mas o goleiro Fábio conseguiu defender. Dois minutos depois, o Atlético de Alagoinhas teve uma chance incrível para abrir o placar. Ronan fez fila e cruzou para Robert. O atacante finalizou de primeira, mas o zagueiro Wesley conseguiu salvar em cima da linha.

BAHIA DE FEIRA ABRE O PLACAR, MAS ATLÉTICO EMPATA MINUTOS DEPOIS
O jogo voltou a ficar mais estudado depois do frenético início da etapa complementar. Mas quando tudo indicava que o jogo caminharia para um zero a zero, o Bahia de Feira abriu o placar. Aos 31 minutos, após bola levantada na área, Deon passou para Thiaguinho. O atacante ajeitou para Jarbas encher o pé e fazer: 1 a 0.

Dois minutos depois, em ataque do Carcará, após trombada na área, o árbitro marcou pênalti. Após longa paralisação para o VAR analisar o lance, a penalidade foi confirmada. Ronan bateu e igualou o placar.

FINAL EMOCIONANTE: DOIS GOLS NOS ACRÉSCIMOS
Por causa da paralisação do VAR, o árbitro deu um longo tempo de acréscimo. Os dois times foram para o ataque e o jogo ficou lá e cá. Aos 56 minutos, em ataque pelo lado esquerdo, Cazumba levantou a bola na área e Adriano Ferreira cabeceou para marcar: 2 a 1 para o Bahia de Feira.

Tudo resolvido? Negativo. No minuto seguinte, Ronan recuperou a bola e da entrada da área soltou uma bomba no ângulo do goleiro Jean, do Tremendão, para empatar a partida: 2 a 2. Placar Final.