Mercado abrirá em 1 h 41 min
  • BOVESPA

    110.611,58
    -4.590,65 (-3,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.075,41
    +732,87 (+1,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,76
    +0,71 (+1,09%)
     
  • OURO

    1.700,90
    +22,90 (+1,36%)
     
  • BTC-USD

    54.174,47
    +4.185,52 (+8,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.093,95
    +69,74 (+6,81%)
     
  • S&P500

    3.821,35
    -20,59 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    31.802,44
    +306,14 (+0,97%)
     
  • FTSE

    6.756,96
    +37,83 (+0,56%)
     
  • HANG SENG

    28.773,23
    +232,40 (+0,81%)
     
  • NIKKEI

    29.027,94
    +284,69 (+0,99%)
     
  • NASDAQ

    12.567,50
    +270,25 (+2,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,9947
    +0,0349 (+0,50%)
     

Com atraso, colheita de soja 2020/21 no Brasil chega a 8,7% da área, diz consultoria

·1 minuto de leitura
Navio é carregado com soja no porto de Santos, no Brasil

SÃO PAULO (Reuters) - A colheita brasileira de soja alcançou 8,72% da área, estimou nesta sexta-feira a consultoria Pátria Agronegócios, indicando atraso em relação a anos anteriores e possível complicação para embarques devido ao baixo volume disponível de grãos.

No mesmo período da safra passada, os trabalhos estavam em 24,68% e a média histórica para a época é de 24,66%, de acordo com a consultoria.

"A colheita da soja no Brasil teve mais uma semana de lentidão. Além de um calendário de safra atrasado, o excesso de chuvas por quase todo o país tem impedido o bom trabalho de campo", afirmou em nota.

A Pátria estima que algo em torno de 11 milhões a 11,5 milhões de toneladas de soja já foi retirada dos campos do país, maior produtor e exportador global da oleaginosa.

Por outro lado, "temos uma fila de embarques projetada em mais de 12 milhões de toneladas para exportação dentro das próximas semanas", alertou a empresa, lembrando que "não adianta termos soja colhida no interior do país, este grão precisa entrar em rota de escoamento".

Segundo a consultoria, Mato Grosso, maior produtor, é o Estado com a colheita mais avançada, com 22,26% dos trabalhos concluídos. No Paraná, este percentual ainda está em 3,5%.

De acordo com a média histórica, nesta época a colheita estaria em 45,4% em Mato Grosso e 26% entre as lavouras paranaenses.

A Pátria ainda disse que continua vendo um forte viés de alta nos prêmios de exportação da soja brasileira.

(Por Nayara Figueiredo; Edição de Luciano Costa)