Mercado fechado

Com 180 mil mortos, 38% dos brasileiros aprova gestão da Saúde no governo Bolsonaro

Anita Efraim
·2 minuto de leitura
Brazilian President Jair Bolsonaro attends a ceremony to present his nation's National Vaccination Plan Against COVID-19 at Planalto presidential palace in Brasilia, Brazil, Wednesday, Dec. 16, 2020. (AP Photo/Eraldo Peres)
Aprovação do governo Bolsonaro caiu 5 pontos percentuais (Foto: AP Photo/Eraldo Peres)

Em meio à uma crise sanitária gerada pelo coronavírus, 38% dos brasileiros aprovam a gestão da Saúde no governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), enquanto 60% reprovam, outro 2% não souberam avaliar. Os dados são da pesquisa Ibope, encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Em relação à avaliação do governo Bolsonaro como um todo, o índice de ótimo e bom ficou em 35%, regular, 30%, ruim e péssimo, 33%. Outros 2% não souberam ou não responderam.

Em relação à confiança no presidente, 44% afirmam que confiam em Bolsonaro, enquanto 53% não confiam e 3% não responderam.

A pesquisa foi feita entre os dias 5 e 8 de novembro com 2 mil pessoas em 126 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

Leia também

O levantamento anterior feito pelo Ibope, também encomendado pela CNI, foi feito em setembro e mostrava que a avaliação de ótimo e bom era de 40%. A queda em 3 meses foi maior do que a margem de erro. Os que avaliavam o governo como regular eram 29% e o ruim ou péssimo, 29%. Na ocasião, 2% não souberam ou não responderam.

Sobre a maneira do presidente governar, 46% aprovam, enquanto 49% desaprovam. 5% dos entrevistados não sabiam ou não responderam. Na pesquisa anterior, o índice de aprovação era de 50% e o de desaprovação, de 45%.

O levantamento ainda perguntou sobre diferentes setores do governo:

Segurança pública

Aprova: 44%;

Reprova: 53%;

Não sabe/não respondeu: 3%.

Combate à fome e à pobreza

Aprova: 44%;

Reprova: 53%;

Não sabe/não respondeu: 3%

Educação

Aprova: 42%;

Reprova: 55%;

Não sabe/não respondeu: 3%

Saúde

Aprova: 38%;

Reprova: 60%;

Não sabe/não respondeu: 2%.

Meio ambiente

Aprova: 36%;

Reprova: 59%;

Não sabe/não respondeu: 5%.

Combate ao desemprego

Aprova: 35%;

Reprova: 62%;

Não sabe/não respondeu: 3%