Mercado fechado

CNH Digital ganha recursos sobre vencimento, recall e infrações

Fidel Forato

Em atualização, a Carteira Digital de Trânsito (CDT), a CNH mais prática e moderna, ganha novos recursos a partir desta semana, como a notificação do proprietário do veículo diretamente pelo celular em casos de recall, com informações detalhadas sobre o defeito do modelo, e orientações para atendimento a pendências que devem evitar acidentes.

Além da notificação de recall, o aplicativo também avisará sobre o vencimento da validade da CNH com 30 dias de antecedência e permitirá consultas a infrações de trânsito. E até 2020 será possível pagar as multas no próprio app, que espera se tornar um canal de informações à mão de todos os motoristas brasileiros.

“Essa nova CDT é o primeiro marco de um projeto maior para aproximar o Governo Federal do cidadão. Vamos fazer isso transformando a CDT numa plataforma de serviços, facilitando o acesso à informação e o controle que o cidadão vai ter sobre os seus documentos e veículos”, explicou Marcello da Costa, o secretário Nacional de Transportes Terrestres.

Já o presidente do Serpro, Caio Paes de Andrade, esclarece que “a nova CDT aumenta a assertividade na comunicação com o cidadão. A tecnologia de aviso de recall praticamente elimina a possibilidade de desconhecimento da convocação para a reparação do veículo, proporcionando mais segurança às pessoas.”

Novas funções da CNH virtual devem facilitar a vida de motoristas

Novidades da CDT

Atualmente, o Denatran possui cerca de 10 milhões de recalls registrados e, em média, apenas 43% desses chamados são atendidos pelos proprietários dos veículos. O Governo espera que a novidade facilite e aumente a efetividade das chamadas no país, além de garantir mais segurança no trânsito aos motoristas.

Através da iniciativa, as notificações indicarão o defeito e o risco do não reparo, além de fornecer informações a respeito do canal de atendimento (telefone e site) da empresa responsável. Dessa maneira, o proprietário do veículo poderá identificar a concessionária mais próxima para realização do serviço, que é garantido por lei e gratuito.

De acordo com Jerry Dias, diretor do Denatran, também está prevista a interação da CDT com o aplicativo Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) para o pagamento de multas. O condutor terá informações sobre infrações, mas, com a futura integração, o motorista poderá efetuar o pagamento de multas com até 40% de desconto na própria ferramenta. Segundo o próprio diretor, a função está prevista para 2020.

Em vigor desde 2017, a CDT reúne os dois documentos de porte obrigatório no trânsito, a CNH e o CRLV, e pretende funcionar agora como uma interface do cidadão com os serviços de trânsito. O app da CDT está disponível gratuitamente na Google Play e na App Store.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: