Mercado fechará em 1 h 18 min
  • BOVESPA

    128.603,52
    +546,30 (+0,43%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.515,24
    +312,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,55
    +0,51 (+0,72%)
     
  • OURO

    1.771,20
    -3,60 (-0,20%)
     
  • BTC-USD

    35.511,34
    -2.248,08 (-5,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    875,07
    -64,87 (-6,90%)
     
  • S&P500

    4.178,35
    -43,51 (-1,03%)
     
  • DOW JONES

    33.388,14
    -435,31 (-1,29%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0030
    +0,0405 (+0,68%)
     

Clubhouse vai criar 50 pilotos de programas de áudio de criadores de conteúdo

·2 minuto de leitura
Clubhouse vai criar 50 pilotos de programas de áudio de criadores de conteúdo
Clubhouse vai criar 50 pilotos de programas de áudio de criadores de conteúdo

O Clubhouse acaba de anunciar os vencedores de um concurso que vai render a produção de 50 pilotos de programas de áudio para a plataforma. As inscrições para o chamado “programa de aceleração” começaram em março, e os pilotos estreiam ao vivo pelo Clubhouse HQ a partir do dia 10 de maio.

Para criar os pilotos, os produtores de conteúdo vão receber uma bolsa de US$ 5 mil por três meses, equipamentos e apoio criativo. Os programas que mais chamarem a atenção do público podem assinar um contrato de longo prazo com a plataforma.

Segundo o Clubhouse, o programa visa “apoiar novas vozes com ferramentas e recursos para liberar sua criatividade na nossa plataforma. O objetivo é garantir que os próprios criadores tenham controle completo e a propriedade sobre sua produção criativa”.

Produções de áudio originais do Clubhouse são de vários países

O Clubhouse disse que os pilotos dos programas de áudio incluem produções dos EUA, Reino Unido, Indonésia, Argentina, Canadá, Colômbia e Japão. O Brasil não foi citado no release da empresa. “Sejam quais forem os seus interesses – de esportes a espaço, de médiuns a psicodélicos, de história a saúde – tem algo para todo mundo” quanto aos temas dos pilotos, diz o anúncio.

A plataforma de programas de áudio ao vivo Clubhouse explodiu em popularidade no final do ano passado, contando com participações de grandes nomes como Elon Musk e Mark Zuckerberg. Mas desde fevereiro, os downloads do app, ainda disponível só para iOS e sendo apenas testado para Android, caíram 91%.

Considerando tudo isso, e enquanto outras companhias tentam abocanhar uma fatia de seu mercado, o sucesso dos criadores de conteúdo dentro de sua plataforma é o que vai ditar o futuro do Clubhouse. É bom lembrar que essa semana, o Twitter liberou a criação de salas de áudio para qualquer usuário com mais de 600 seguidores.

Via The Verge

Imagem: Josh Rose (Unsplash)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos