Mercado abrirá em 1 h 9 min
  • BOVESPA

    119.297,13
    +485,13 (+0,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.503,71
    +151,51 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,23
    +1,05 (+1,74%)
     
  • OURO

    1.744,60
    -3,00 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    64.687,53
    +2.006,30 (+3,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.396,65
    +102,66 (+7,93%)
     
  • S&P500

    4.141,59
    +13,60 (+0,33%)
     
  • DOW JONES

    33.677,27
    -68,13 (-0,20%)
     
  • FTSE

    6.918,29
    +27,80 (+0,40%)
     
  • HANG SENG

    28.900,83
    +403,58 (+1,42%)
     
  • NIKKEI

    29.620,99
    -130,61 (-0,44%)
     
  • NASDAQ

    14.018,00
    +42,25 (+0,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8357
    +0,0045 (+0,07%)
     

"Clubhouse" do Facebook tem novos detalhes vazados; confira

Alveni Lisboa
·2 minuto de leitura

Você já viu aqui no Canaltech que o Facebook trabalha para trazer recursos de chat por voz para a rede social, mas não havia pistas de como as coisas funcionariam. Agora, começam a surgir mais detalhes sobre como a plataforma está pensando em implantar essa funcionalidade.

O desenvolvedor e leaker Alessandro Paluzzi descobriu o recurso ao usar técnicas de engenharia reversa na versão de testes do app. A rede social de Zuckerberg deverá contar com salas públicas e privadas para realização de bate-papos com vídeo ou áudio.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Em princípio, parece que tanto as salas de vídeo quanto as de áudio serão apenas para os seus amigos no Facebook — se isso for verdade, seria um conceito diferente do que está em voga nas outras redes. Há uma terceira opção que permite uma transmissão aberta, a qual poderia ser acessada irrestritamente por todos, mas com suporte para apenas um locutor — um modelo que mais se assemelha as populares streams.

Não há previsão de lançamento da funcionalidade, mas ela aparenta estar em estágio avançado de desenvolvimento. Resta saber se o recurso desbancará o Clubhouse e também os concorrentes, que estão vindo em peso para o mundo do compartilhamento de áudios.

Chat de voz em alta

O Instagram, que pertence ao Facebook, está em fase de testes de salas que permitam a conversa por áudio apenas, de forma similar ao que acontece hoje com as lives. Seriam até quatro pessoas atuando como apresentadores e um número ilimitado de usuários como ouvintes.

Lives apenas em áudio podem chegar em breve; por enquanto, somente em vídeo (Imagem: Reprodução/Unsplash)
Lives apenas em áudio podem chegar em breve; por enquanto, somente em vídeo (Imagem: Reprodução/Unsplash)

Em estágio mais avançado, o Twitter já começou a liberar o Spaces para alguns usuários — a expectativa é que todos tenham acesso até o final de abril. A rede do passarinho também terá suporte a salas de áudio e tem como trunfo a sua popularidade.

O Telegram também entrou na briga, na semana passada, ao lançar uma funcionalidade similar. A novidade foi introduzida na última atualização do app, já disponível na App Store e no Google Play.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: