Mercado fechado

Cliente do “Faraó dos Bitcoins” revela que empresa não paga há 3 meses

·2 min de leitura
Cliente do Faraó dos Bitcoins conversou com Jornal da Record após processar empresa
Cliente do Faraó dos Bitcoins conversou com Jornal da Record após processar empresa

Um cliente da empresa do “Faraó dos Bitcoins” que está há três meses sem receber ingressou na justiça pedindo devolução do aporte realizado no possível esquema.

Em conversa com o Jornal da Record, o investidor alega que acreditou nas promessas de 10% ao mês, com garantia em supostas operações no mercado de criptomoedas. A reportagem publicada na última terça-feira (9) ainda deu mais detalhes sobre o crescimento de processos na justiça do Rio de Janeiro, movidos por investidores.

Glaidson Acácio dos Santos, chamada “Faraó dos Bitcoins” por seus clientes, é investigado pelo Ministério Público e Polícia Federal, preso em agosto de 2021 na Operação Kryptos, que mirou os principais líderes do possível esquema.

Cliente do Faraó dos Bitcoins está há três meses sem receber nem R$ 1,00

Em uma reportagem do Jornal da Record sobre o caso da GAS Consultoria Bitcoin, um cliente narrou que está há três meses sem receber nem R$ 1,00, mesmo com a suspensão das atividades sendo no último mês de outubro de 2021.

Segundo ele, sua família investiu todas as economias no possível esquema, que somam R$ 70 mil. A vontade era de se investir em Bitcoin, mas com a promessa de 10% ao mês eles acabaram optando por acreditar nas promessas que foram feitas.

Liderada por Glaidson Acácio dos Santos, o investidor chegou a receber alguns rendimentos, mas há três meses tudo parou. Ele alega que a situação financeira da sua família está complicada, visto que o valor dos rendimentos fazia parte do orçamento.

“A situação financeira tá um pouco apertada, porque eles prometeram 10% da rentabilidade. Então é um valor que fazia parte do orçamento, então no momento a gente tem buscado conter gastos”.

A advogada do investidor, que moveu um processo na justiça, lembrou que a família pede a restituição do valor, danos morais e a rescisão contratual, que é uma parte relevante.

No Rio, mais de 500 processos correm em tribunais

Segundo o Jornal da Record, mais de 500 clientes da GAS Consultoria já ingressaram na justiça do Rio de Janeiro, para pedir o dinheiro de volta e rescisão contratual.

Além disso, a reportagem lembrou que a empresa do “Faraó dos Bitcoins” é uma pirâmide financeira, segundo investigações policiais que pairam sobre o negócio.

Nos últimos dias, a empresa chegou a pedir calma a investidores, alegando que este é apenas um momento ruim, mas que deve passar. Contudo, uma minuta protocolada no Ministério Público Federal tenta liberar o dinheiro preso nas contas da empresa pela justiça, para parcelar a devolução dos aportes aos clientes, em até 12 meses.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos