Mercado abrirá em 9 h 19 min
  • BOVESPA

    111.289,18
    +1.085,18 (+0,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.037,05
    -67,35 (-0,13%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,60
    -0,75 (-0,86%)
     
  • OURO

    1.815,40
    -14,30 (-0,78%)
     
  • BTC-USD

    35.864,12
    -1.095,49 (-2,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    814,18
    -41,63 (-4,86%)
     
  • S&P500

    4.349,93
    -6,52 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.168,09
    -129,61 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.469,78
    +98,32 (+1,33%)
     
  • HANG SENG

    23.751,42
    -538,48 (-2,22%)
     
  • NIKKEI

    26.353,33
    -658,00 (-2,44%)
     
  • NASDAQ

    13.906,50
    -252,00 (-1,78%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0987
    -0,0077 (-0,13%)
     

Claro lança 5G na frequência de 2,3 GHz em São Paulo e Brasília

·2 min de leitura

São Paulo e Brasília são as primeiras capitais do país a receberem a rede 5G da Claro na faixa de frequência de 2,3 GHz, adquirida pela operadora no Leilão do 5G, realizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em novembro. Antes do lançamento da novidade, a empresa fez diversos testes: o mais recente na etapa da Stock Car 2021 no Autódromo de Interlagos (SP).

Paulo Cesar Teixeira, CEO da Claro para consumo e pequenas e médias empresas (PMEs), aponta que a Claro sempre esteve atuante no 5G. “Desde a montagem dos laboratórios de homologação da tecnologia até a condução de pilotos e demonstrações experimentais ao lado de fornecedores e parceiros”, diz.

Segundo ele, o 2,3 GHz é um espectro "coringa", que pode ser utilizado tanto para o 5G quanto para o 4,5G. “Com ele, avançamos mais um passo. É uma faixa de frequência que tem alta capacidade de transmissão e se adapta muito bem à realidade das capitais”, aponta.

Claro é a primeira operadora a lançar 5G em duas capitais (Imagem: Divulgação/Claro)
Claro é a primeira operadora a lançar 5G em duas capitais (Imagem: Divulgação/Claro)

Regiões atendidas com 5G

Em Brasília, a novidade chega inicialmente à Asa Norte, onde fica a primeira antena com o 2,3 GHz ativo na capital federal. A operadora diz que, nos próximos dias, serão liberados pontos estratégicos da Asa Sul e do Setor Comercial. Após a ativação, smartphones compatíveis mediram velocidades de 700 Mbps na rede.

Já em São Paulo, as duas primeiras localidades são os bairros Itaim e Vila Nova Conceição. Clientes da Claro com planos ativos e aparelhos compatíveis com a tecnologia 5G na faixa de 2,3 GHz já estão aptos a navegar na rede nesses bairros. Para o primeiro trimestre de 2022, está prevista a ampliação para a região da Marginal Pinheiros.

Além disso, a banda espectral da frequência vai permitir que mais usuários se conectem a uma mesma antena. “A Claro está pronta para a revolução que o 5G vai trazer. Fomos os primeiros a oferecer o 4,5G e, depois, o 5G DSS”, lembra Teixeira. “Agora, aguardamos a liberação da faixa de 3,5 GHz para levar mais essa experiência a nossos clientes.”

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos