Mercado abrirá em 2 h 7 min
  • BOVESPA

    112.273,01
    -43,15 (-0,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.521,43
    -253,48 (-0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,88
    -1,02 (-1,31%)
     
  • OURO

    1.920,10
    -19,10 (-0,98%)
     
  • BTC-USD

    22.912,47
    -311,15 (-1,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    519,64
    -18,24 (-3,39%)
     
  • S&P500

    4.017,77
    -52,79 (-1,30%)
     
  • DOW JONES

    33.717,09
    -260,99 (-0,77%)
     
  • FTSE

    7.737,83
    -47,04 (-0,60%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    11.921,25
    -46,75 (-0,39%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5292
    -0,0178 (-0,32%)
     

Citroen C3 elétrico chega em 2023 para brigar com Renault Kwid E-Tech

Carlos Tavares, CEO da Stellantis, confirmou o que vinha sendo tratado como rumor desde agosto de 2022, época em que a nova geração do Citroën C3 ainda nem havia sido lançada no Brasil, mas já tinha dado as caras na Índia: o carro também será lançado em versão 100% elétrica.

De acordo com o site indiano Car & Bike, o país, mais uma vez, será privilegiado como mercado de estreia escolhido para o hatch, que chegará em março de 2023 para brigar com outro francês, o Renault Kwid E-Tech.

Segundo Tavares, o Citroën C3 elétrico será um dos EVs mais acessíveis do mercado: “Queremos lançar o C3 EV a um preço que seja acessível em todo o mercado. Há uma grande oportunidade para a Índia poder vender carros compactos elétricos a um preço acessível, protegendo a lucratividade”.

Nova geração do Citroën C3 ganhará versão elétrica em 2023 (Imagem: Divulgação/Stellantis)
Nova geração do Citroën C3 ganhará versão elétrica em 2023 (Imagem: Divulgação/Stellantis)

Como será o Citroën C3 elétrico?

Apesar de confirmar que o C3 elétrico chegará no primeiro trimestre de 2023, Carlos Tavares não divulgou qualquer dado relativo às especificações do hatch compacto da Citroën. A tendência, no entanto, é que ele seja produzido na plataforma e-CMP, a mesma do Peugeot e-208 GT e do e-2008 GT, ambos já testados pelo Canaltech.

Caso a estratégia se confirme, o Citroën C3 100% elétrico poderá chegar ao mercado com motor de 136 cavalos, torque de 26,5 kgfm e autonomia aproximada de 300 quilômetros. A bateria também deve ter tamanho similar às utilizadas pelos “primos”, ou seja, de 50 kWh.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: