Mercado fechado

Citi diz que recessão pode derrubar petróleo para US$ 45 em 2023

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

(Bloomberg) -- O petróleo pode cair para US$ 65 o barril até o final deste ano e depois para US$ 45 até o final de 2023 se ocorrer uma recessão que prejudique a demanda, alertou o Citigroup.

Essa perspectiva é baseada na ausência de qualquer intervenção dos produtores da Opep+ e um declínio nos investimentos em produção, disseram analistas do banco, incluindo Francesco Martoccia e Ed Morse, em um relatório. O Brent, petróleo de referência global, era negociado perto de US$ 107 o barril na terça-feira.

O petróleo disparou este ano após a invasão da Ucrânia, e os bancos agora tentam traçar sua trajetória em 2023 à medida que autoridades monetárias aumentam juros e crescem os riscos de recessão. A perspectiva do Citi comparou o atual mercado de energia com as crises da década de 70. Atualmente, os economistas do banco não esperam que os EUA mergulhem em recessão.

“As evidências históricas sugerem que a demanda por petróleo fica negativa apenas nas piores recessões globais”, disseram os analistas do Citi. “Mas os preços do petróleo caem em todas as recessões para perto de seu custo marginal.”

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos