Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.910,10
    -701,55 (-0,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.661,86
    +195,84 (+0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,29
    +0,68 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.792,30
    -2,70 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    37.715,54
    +783,84 (+2,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    863,83
    +21,37 (+2,54%)
     
  • S&P500

    4.431,85
    +105,34 (+2,43%)
     
  • DOW JONES

    34.725,47
    +564,69 (+1,65%)
     
  • FTSE

    7.466,07
    -88,24 (-1,17%)
     
  • HANG SENG

    23.550,08
    -256,92 (-1,08%)
     
  • NIKKEI

    26.717,34
    +547,04 (+2,09%)
     
  • NASDAQ

    14.430,25
    +443,50 (+3,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9813
    -0,0427 (-0,71%)
     

Cinco perguntas para Laura Mariani, da Naomm

·3 min de leitura

A pesquisadora Laura Mariani uniu a prática terapêutica à inovação, com sua formação em terapia corporal, administração e pedagogia, empreendendo com uma linguagem própria. Depois de 15 anos atuando como diretora executiva na organização internacional de educação empreendedora Junior Achievement, ela tirou um ano sabático e participou do programa de intraempreendedorismo da Natura & Co, CorageN. Assim fundou da Naomm – plataforma de serviço de cuidados integrativos – startup incubada e incentivada pela Natura. Nesta conversa com a Fast Company Brasil, Laura revela, entre outras coisas, como pensa a inovação, que habilidades considera essenciais no mundo atual, e sua visão sobre qualidade de vida.

O que é inovação pra você?

Inovação é ter uma visão que inclua a complexidade do que está para emergir como desafio (Social, Econômico e Ambiental) para agir no presente. É olhar a abrangência de uma pergunta e investigar as inúmeras perspectivas de respostas, de forma inclusiva e diversa, sem temer o erro. É se manter perguntando, encontrar certas respostas e compartilhar, experimentar e se necessário abrir mão e começar de novo, do zero.

Qual a habilidade mais importante nos tempos atuais?

Escuta ativa e Autoconhecimento. A escuta ativa se adquire com a prática do silêncio que proporciona uma mente mais receptiva, que observa além das palavras, que não reage, mas espera compreender.

Na era de tanta informação, as respostas estão vindo antes das perguntas, o que muitas vezes não permite o imprevisto, o que está entre um som e outro, o que está no gap do silêncio, que é a possibilidade de novas perspectivas entrarem no jogo mudando o rumo das verdades absolutas.

Autoconhecimento é importante para se descobrir o quanto de energia se coloca em cada ação, por quanto tempo e até quando. Se conhecer é entender mais sobre os ciclos de início, meio e fim para de assumir riscos, perseverar e ser capaz de mudar de rumo quando se chega a um fim para então mais uma vez iniciar.

O que o conceito de sustentabilidade representa para o seu negócio?

Representa muito! Minha proposta de negócio já nasceu com uma visão bem clara para gerar impacto positivo: Ser 100% online ( redução de emissões de carbono com deslocamento); promover aumento de renda (Desenvolvimento social) e oferecer acesso (democratizar atendimentos).

O que significa qualidade de vida para você?

Qualidade de vida para mim é ser e estar disponível para se relacionar bem, ao mesmo tempo, com o trabalho, com a família, com a cozinha, com o autocuidado e com a natureza. Isso é, ter constância e disposição para manter todas as bolas no ar! Busco qualidade de vida me entregando com emoção à vida tanto com a sua beleza como com seus desafios, vivendo cada fase com integralidade, dando o meu melhor e claro, sempre, com a ajuda de terapias que promovam o cuidado e o autoconhecimento como meditação, yoga, florais e terapia de som – que são meus principais recursos para estar bem.

Qual o melhor conselho que você já recebeu e que ajudou você nos negócios e na vida?

O melhor conselho que recebi foi “sim parece bom, siga em frente”. É o conselho de quem percebe que para chegar basta continuar perguntando, testando, errando e arriscando mais. O melhor mentor de negócios que encontrei tinha três qualidades: silêncio, escuta e a habilidade de terminar uma reunião com um “sim” e uma pergunta para ser respondida no próximo encontro.

O post Cinco perguntas para Laura Mariani, da Naomm apareceu primeiro em Fast Company Brasil | O Futuro dos Negócios.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos