Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.785,50
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.587,44
    -3.367,48 (-5,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Cidade de Massachusetts dá pistas sobre futuro com Covid

·4 min de leitura

(Bloomberg) -- Seria um feriado de verão para comemorar. Milhares de pessoas viajaram a Provincetown, em Massachusetts, para passar o feriado de 4 de julho totalmente imunizadas contra a Covid-19 e prontas para desfrutar das novas liberdades, como a socialização sem ter que usar máscaras.

Most Read from Bloomberg

No entanto, o tempo mudou, com frio e chuva, e as reuniões no feriado tiveram que acontecer em ambientes fechados, como pubs, clubes e residências particulares, o que criou um laboratório para testar a eficácia das vacinas usadas contra a variante delta do coronavírus, altamente transmissível. Mais de 1.000 casos de Covid foram registrados nas duas semanas seguintes, o que abalou a confiança nos imunizantes e levou os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos a restabelecerem o mandato de máscaras em ambientes fechados.

Quatro meses depois, pesquisadores que estudaram as pessoas que contraíram o vírus colhem informações importantes sobre os efeitos da imunidade obtida com a infecção natural após a vacinação. As descobertas oferecem pistas sobre a proteção imunológica necessária para que o coronavírus deixe de ser uma ameaça à saúde pública e, em última análise, acabe com a pandemia.

“Nossos dados realmente colocam uma perspectiva diferente sobre o grupo de Provincetown”, disse Dan Barouch, professor da Faculdade de Medicina de Harvard e chefe do Centro de Pesquisa de Virologia e Vacinas Beth Israel Deaconess, em Boston. “Inicialmente, aquilo foi visto como evidência de falhas das vacinas. Na verdade, diria que é uma evidência do sucesso das vacinas. Essas vacinas estão fazendo o que devem fazer.”

O surto em Provincetown, a pequena cidade turística localizada em Cape Cod, conhecida como “P-town”, foi o primeiro grande grupo bem detalhado de infecções causadas pela variante delta em uma população com alta taxa de imunização. Cerca de 75% dos casos de Covid ocorreram em pessoas que receberam duas doses das vacinas da Pfizer ou da Moderna ou a dose única da Johnson & Johnson, pelo menos 14 dias antes.

Pesquisa

Quase 80% dessas infecções foram sintomáticas. Embora a maioria tenha resultado apenas em casos leves e moderados da doença, o surto de Covid mesmo com altas taxas de vacinação levou a uma investigação intensa por autoridades de saúde estaduais e municipais.

Eles descobriram que a quantidade de material viral em esfregaços nasais era semelhante em pessoas vacinadas e não vacinadas. Esse dado surpreendente abalou expectativas excessivamente otimistas de que a imunização poderia eliminar a transmissão do SARS-CoV-2, particularmente devido à cepa delta, duas vezes mais contagiosa.

Pesquisadores do Broad Institute, em Boston, usaram dados de sequência genômica para rastrear o surto até um grupo de pessoas infectadas, incluindo um indivíduo que era a provável fonte de mais de 80% dos casos. O trabalho deles provou que a Covid pode se espalhar entre pessoas com esquema vacinal completo. Curiosamente, os pesquisadores também descobriram que os infectados em Provincetown - que vieram de 21 estados - contribuíram de forma modesta para a epidemia liderada pela variante delta nos EUA depois que voltaram para casa.

O resultado foi reconfortante, porque apoiou o que já se sabe sobre a imunização, disse Helen Petousis-Harris, vacinologista da Universidade de Auckland.

“A vacinação contra a Covid-19 é a melhor maneira de evitar casos graves e morrer de Covid, mas não impede completamente que todas as pessoas vacinadas se infectem com o vírus SARS-CoV-2 ou o transmitam”, disse. “No entanto, se você for vacinado e for infectado, terá menos probabilidade de espalhar o vírus do que se não for imunizado.”

Alerta

Uma análise detalhada realizada no laboratório de Barouch, da Harvard, ajuda a explicar o porquê. Ele e outros pesquisadores estudaram as respostas imunológicas de 35 pessoas vacinadas e testadas para Covid no surto de Provincetown. Os vacinados que se infectaram registraram forte aumento dos níveis de anticorpos que bloqueiam a Covid e das chamadas células T, que matam o vírus, incluindo níveis de anticorpos neutralizantes 34 vezes maiores contra a variante delta, em comparação com pessoas que não foram infectadas.

Uma infecção cinco a seis meses após a vacinação colocou a memória imunológica em marcha para gerar potentes anticorpos específicos contra a delta, e as células T ajudaram a eliminar o vírus antes que causasse casos graves ou tivesse a chance de se espalhar.

“Achamos que esta é provavelmente a razão pela qual pessoas vacinadas que se infectam geralmente têm uma forma leve da doença na grande maioria dos casos, porque conseguem uma liberação rápida de anticorpos muito potentes e respostas das células T que provavelmente controlam o vírus”, disse Barouch em entrevista por Zoom. “É provável que esses indivíduos tenham altos níveis de imunidade por um período de tempo prolongado.”

Ele planeja acompanhar as pessoas que se infectaram para entender a duração da imunidade.

“Essas respostas se mantêm em nível elevado ou diminuem com o tempo?”, pergunta Barouch. “Essa é uma questão muito importante a ser abordada.”

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos