Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.035,17
    -2.220,83 (-1,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.592,91
    +282,61 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,66
    -1,87 (-2,94%)
     
  • OURO

    1.733,00
    -42,40 (-2,39%)
     
  • BTC-USD

    44.516,60
    -2.810,01 (-5,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    912,88
    -20,25 (-2,17%)
     
  • S&P500

    3.811,15
    -18,19 (-0,48%)
     
  • DOW JONES

    30.932,37
    -469,63 (-1,50%)
     
  • FTSE

    6.483,43
    -168,53 (-2,53%)
     
  • HANG SENG

    28.980,21
    -1.093,99 (-3,64%)
     
  • NIKKEI

    28.966,01
    -1.202,29 (-3,99%)
     
  • NASDAQ

    12.905,75
    +74,00 (+0,58%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7636
    +0,0247 (+0,37%)
     

Cidade do interior de SP que terá vacinação em massa inicia cadastro de moradores

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
ANKARA, TURKEY - FEBRUARY 11: A health worker draws CoronaVac vaccine into a syringe during a coronavirus (COVID-19) vaccination campaign in Ankara, Turkey on February 11, 2021. Health workers began to receive their second doses of vaccines within Turkey's "COVID-19 National Vaccination Strategy". (Photo by Ali Balikci/Anadolu Agency via Getty Images)
(Foto: Getty Images)

Única cidade do Brasil que terá a população maior de 18 anos vacinada em massa contra a Covid-19, Serrana (SP) começa nesta quinta-feira (11) a cadastrar os moradores que receberão as doses da CoronaVac.

A vacinação no município, a 315 quilômetros de São Paulo, está prevista começar em 17 de fevereiro.

Leia também:

O anúncio do projeto do governo paulista elevou a procura por imóveis de pessoas interessadas em mudar para a cidade com o objetivo de receber o medicamento. Para evitar esse transtorno, Serrana foi mapeada por uma parceria entre o Butantan o Hospital Estadual e a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano.

Objetivo do experimento é vacinar 30 mil voluntários dos mais de 45 mil moradores da cidade. Os lotes da vacina são exclusivos para o estudo e o uso deles não interfere na distribuição para as outras cidades, segundo o Butantan.

D acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, Serrana somava 2.401 casos de Covid-19 e 57 mortes pela doença. O primeiro caso foi registrado em 3 de abril e primeiro óbito, dia 22 do mesmo mês.

Serrana está na fase laranja do Plano São Paulo. Assim, podem funcionar comércio, restaurantes, salões de beleza, academias.