Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    43.295,34
    +945,75 (+2,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Chrome 93 Beta traz tema dinâmico do Android 12 e pacotão de novidades

·3 minuto de leitura

A versão 93 do Chrome finalmente desembarcou no edição beta para mobile e desktop. Os recursos antes vistos no canal Canary alcançam um patamar superior de confiabilidade e estão mais próximos de ser lançados para o público geral.

Melhorias em peso para web apps

Os famosos web apps, ou “Progressive Web Apps” (PWAs), vão ficar ainda mais parecidos com programa nativos na distribuição do navegador para desktop. Esse esforço é uma tendência dos principais navegadores da atualidade, especialmente daqueles construídos sobre o motor de código aberto do Google, o Chromium.

Na versão 93, desenvolvedores podem colocar web apps como direcionamentos para endereços URL específicos. Pense que você irá visitar o Twitter, por exemplo, ao digitar o endereço twitter.com na Omnibox; então, seu navegador o encaminharia para a versão web app da rede social. Em tese, isso pode acontecer em qualquer programa que implementar o suporte no PC — o Android tem função parecida já há algum tempo.

Web apps podem rechear a barra superior com botões interativos para dar mais cara de programa nativo (Imagem: Reprodução/Google)
Web apps podem rechear a barra superior com botões interativos para dar mais cara de programa nativo (Imagem: Reprodução/Google)

Essa função está oculta no menu de recursos experimentais, o chrome://flags, sob o nome #enable-desktop-pwas-url-handling. Para ativar, será necessário reiniciar o navegador para aplicar as mudanças. Agora, no entanto, não deve ter efeito prático significativo, já que depende da implementação por parte de devs.

Os sites reforçados também poderão aproveitar capacidades melhores para a exibição de conteúdo em múltiplas telas. O Google implementou a nova API Multi-Screen Window Placement que deve ajudar a desenvolvedores a encaixar funções de exibição em diferentes displays. Um bom exemplo para essa adição é a exibição de apresentações em slide em monitores diferentes — enquanto o notebook gerencia a sessão, a televisão mostraria somente as imagens.

Tema dinâmico do Android 12

O tema dinâmico e elementos do Material You, linguagem de design que ditará o visual de apps do Google e do Android 12, também foram encontrados nessa versão. Se você ativar as flags #dynamic-color-android e #theme-refactor-android, seu navegador adotará as cores predominantes do seu papel de parede em elementos do menu de configurações, no seletor de texto e no contorno de guias.

A cor predominante do papel de parede é aplicada a elementos discretos do navegador (Imagem: Reprodução/Android Police)
A cor predominante do papel de parede é aplicada a elementos discretos do navegador (Imagem: Reprodução/Android Police)

Novos widgets mais em construção

Pouco tempo atrás, foram descobertos também os widgets que estavam a caminho do Android. Finalmente, esses complementos estão mais perto do lançamento, já que estão presentes na versão 93 do Chrome.

Novos widgets colocarão a barra de pesquisa e funções rápidas do navegador direto na tela principal (Imagem: Reprodução/Chrome Story)
Novos widgets colocarão a barra de pesquisa e funções rápidas do navegador direto na tela principal (Imagem: Reprodução/Chrome Story)

Autenticação de dois fatores facilitada

O suporte para autenticação via senha descartável — ou “one-time codes” (OTCs) — foi aprimorado e está à disposição de desenvolvedores. Esse mecanismo serve para efetuar a autenticação de dois fatores por meio de um SMS no celular vinculado à conta e, na atualização, seu funcionamento entre dispositivos (desktop e Android, por exemplo) ficou melhor.

Outras adições interessantes:

  • Uma nova interface para o buscador deve facilitar pesquisas. Quando o utilizador seleciona um resultado de pesquisa, outros serão colocados lado a lado na parte superior para uma rápida consulta sem precisar voltar a página;

  • A lista de leitura agora pode ser separada das páginas salvas nos favoritos — afinal, não são a mesma coisa, né?

  • Melhorias no “enviar página para dispositivos” também podem ser encontradas.

Se as novidades não chegaram para você, é bom dar uma olhada na Play Store e App Store em busca de atualizações e baixe, se tiver alguma pendente. Reinicializar o aplicativo deve ser necessário para implementar as novidades.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos