Mercado abrirá em 8 h 48 min
  • BOVESPA

    108.402,27
    +1.930,35 (+1,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.354,86
    +631,43 (+1,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,61
    -0,15 (-0,17%)
     
  • OURO

    1.802,00
    -3,20 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    23.855,12
    +539,70 (+2,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    557,18
    +14,30 (+2,63%)
     
  • S&P500

    4.140,06
    -5,13 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    32.832,54
    +29,07 (+0,09%)
     
  • FTSE

    7.482,37
    +42,63 (+0,57%)
     
  • HANG SENG

    20.234,02
    +188,25 (+0,94%)
     
  • NIKKEI

    28.009,77
    -239,47 (-0,85%)
     
  • NASDAQ

    13.221,50
    +38,25 (+0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2110
    +0,0016 (+0,03%)
     

Chrome 104 é lançado com teste para os "novos cookies" e captura de região

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Nesta quarta (3), o Chrome chegou à versão 104. Com um pouco de atraso, o Google promoveu a compilação para distribuição estável, equipada com algumas das primeiras experimentações com mecanismos da Privacy Sandbox (a futura substituta para os cookies), melhorias para janelas de web apps em setups com múltiplos monitores e outras adições.

Privacy Sandbox

O Google decidiu: a compatibilidade do Chrome para cookies de terceiros será mantida até meados de 2024. Nesse meio tempo, a companhia promoverá os mecanismos incluídos na Privacy Sandbox, um pacote de ferramentas que, juntas, darão caminho para o direcionamento de publicidade relevante.

Os usuários podem participar dos testes da Privacy Sandbox de forma voluntária (Imagem: Reprodução/Google)
Os usuários podem participar dos testes da Privacy Sandbox de forma voluntária (Imagem: Reprodução/Google)

A versão 104 dá mais um passo nessa fase de testes, agora introduzindo uma nova seção no menu de configurações para ajustar as preferências de publicidade manualmente. Nela, o usuário pode refinar os assuntos que se interessa para indicar quais anúncios prefere encontrar.

A lista pode ser encontrada no menu canto superior direito, em Configurações > Privacidade e Segurança > Privacy Sandbox. Ela é pessoal e é reiniciada a cada quatro semanas.

Cookies duram menos

Ainda em privacidade, outro ajuste introduzido pelo Chrome 104 é o novo prazo para cookies de terceiros. Agora, os complementos da web podem ficar no dispositivo por até 400 dias. A mudança não afeta cookies já incluídos no aparelho.

Cookies de terceiros agora podem ficar até 400 dias no dispositivo (Imagem: Wirestock/Freepik)
Cookies de terceiros agora podem ficar até 400 dias no dispositivo (Imagem: Wirestock/Freepik)

Web apps com janelas melhores

O Chrome 104 permite que web apps possam ser colocados em tela cheia ou invoquem janelas pop-up em monitores secundários. Essa novidade depende, em partes, da implementação do aplicativo, mas uma vez que está disponível para desenvolvedores, é só questão de tempo até a adaptação.

Melhorias para videochamadas

Também para web apps, foi adicionado ao Chrome a função “Region Capture” ("Captura de região", em tradução livre). Trata-se de uma melhoria focada no compartilhamento de tela que possibilita omitir certas partes do vídeo capturado durante a exibição. Na prática, esse recurso serviria para evitar um efeito conhecido como hall of mirrors (“corredor de espelhos”, em tradução livre), que acontece ao assistir uma transmissão do próprio conteúdo transmitido.

Atualização gradativa

Como toda atualização, o Chrome 104 é distribuído de forma gradativa para todos os usuários. No computador, a varredura manual pode ser feita indo em Ajuda > Sobre o Chrome; no celular, deve é possível aguardar a atualização automática ou forçar o update na Play Store e App Store.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos