Mercado abrirá em 6 h 45 min
  • BOVESPA

    102.814,03
    +589,77 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.796,30
    +303,78 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,56
    +0,61 (+0,87%)
     
  • OURO

    1.789,50
    +4,30 (+0,24%)
     
  • BTC-USD

    57.141,75
    -23,89 (-0,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.442,43
    +13,50 (+0,94%)
     
  • S&P500

    4.655,27
    +60,65 (+1,32%)
     
  • DOW JONES

    35.135,94
    +236,60 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.109,95
    +65,92 (+0,94%)
     
  • HANG SENG

    23.583,78
    -268,46 (-1,13%)
     
  • NIKKEI

    28.409,25
    +125,33 (+0,44%)
     
  • NASDAQ

    16.403,00
    +12,25 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3359
    +0,0067 (+0,11%)
     

Choque de demanda está por trás de inflação, diz Bridgewater

·1 min de leitura

(Bloomberg) -- Rebecca Patterson, da Bridgewater Associates, tem uma explicação surpreendente para o aumento dos preços ao consumidor, contestando a ideia de que os gargalos nas cadeias de suprimentos sejam a causa.

Most Read from Bloomberg

“Este foi realmente um choque de demanda mais do que um choque de oferta”, disse a investidora sênior da gestora em entrevista à Bloomberg TV na quarta-feira. “Temos mais navios do que nunca no oceano. Os portos estão processando mais importações do que nunca nos Estados Unidos. A demanda é simplesmente muito forte. A oferta não consegue acompanhar, e salários mais altos, inflação mais alta podem ser a válvula de escape. O que vemos na temporada de balanços até agora é que a maioria das empresas pode repassar isso.”

Patterson disse que a política monetária frouxa do Federal Reserve e o estímulo fiscal do governo criaram uma demanda “extraordinária”. O resultado foi um aumento dos níveis de poupança nos EUA e do patrimônio líquido, que sustentam os gastos, acrescentou.

A Bridgewater permanece “construtiva” sobre o dólar em relação a certas moedas e ações, especialmente do setor financeiro, disse Patterson. “Estamos posicionando nosso portfólio para ativos que se beneficiariam de uma inflação mais alta e de rendimentos mais altos.”

Mas ela teme que a planejada redução de liquidez do sistema financeiro pelo Fed e possíveis aumentos dos juros sejam um desafio para algumas empresas.

“O que tem sido um enorme vento de cauda está lentamente começando a se transformar em vento contrário”, disse Patterson. “Tecnologia seria uma área em que ficaríamos de olho.”

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos