Mercado abrirá em 7 h 31 min

Chinesa Realme anuncia a primeira TV SLED do mercado

Ramon de Souza
·2 minutos de leitura

Não vamos lhe julgar caso você não conheça a Realme — tal empresa chinesa é bastante jovem, tendo surgido como uma divisão da OPPO em 2010 e ganhando autonomia apenas em 2018, quando finalmente passou a atuar no mercado com mais força. E, após se lançar no segmento de smartphones e declarar guerra à Xiaomi, a marca agora procura se posicionar como pioneira no segmento de televisores ao anunciar a tecnologia SLED.

Feito em parceria com o cientista John Rooyams, da Spectral Power Distribution (SPD) Technology, o display SLED se destaca por usar a gama RGB para criar o backlight branco para iluminar o painel, enquanto a maioria dos televisores LED (incluindo os QLED) utilizam uma luz de fundo azul para essa iluminação inicial. Segundo a Realme, isso simboliza uma capacidade de reprodução de 108% do espectro RGB, contra 70% de TVs LED normais.

Imagem: Reprodução/Realme
Imagem: Reprodução/Realme

Ademais, por não trabalhar com base azul, a tela SLED seria menos nociva aos olhos humanos — já sabemos que tal tonalidade de luz é comumente associada com fadiga ocular e até mesmo distúrbios de sono, motivos pelos quais muitas pessoas aplicam filtros alaranjados na tela do smartphone ou até mesmo do notebook.

Vale observar que, por mais interessante que seja, a novidade da Realme ainda não é produto propriamente dito — o conceito está sendo trabalhado em cima de um aparelho televisor de 55 polegadas e com resolução 4K, mas nada foi dito a respeito de quando tal modelo chegará ao mercado e tampouco o preço sugerido. Logo, é possível que ainda demore um pouco até que a ideia chegue às prateleiras.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: