Mercado abrirá em 6 h 14 min

China vai intensificar afrouxamento monetário para sustentar economia, diz gabinete

PEQUIM (Reuters) - A China vai intensificar o afrouxamento da política monetária e manter a liquidez "razoavelmente ampla", disse o Gabinete estatal em uma reunião presidida pelo primeiro-ministro, Li Keqiang, nesta quarta-feira, no momento em que o país busca sustentar a economia e ajudar pequenas e médias empresas.

O gabinete indicou que o governo chinês vai manter a liquidez ampla através do corte da taxa de compulsório --quantidade de dinheiro que os bancos precisam manter-- e do reempréstimo, enquanto guia a taxa de juros para baixo, informou a emissora CCTV.

O governo irá garantir que a emissão da China de novos empréstimos denominados em iuan e que o financiamento social total em 2020 supere a quantia do ano passado, completou a reportagem.

(Reportagem de Lusha Zhang, Colin Qian e Kevin Yao)