Mercado abrirá em 3 h 34 min

China se recupera e economia cresce 6,9% em 2017

Vista aérea de um porta-contêiner chinês de 20.000 EVP (20 pés), em Nantong, na província do Jiangsu, em 16 de janeiro de 2018

A economia chinesa cresceu 6,9% em 2017, uma forte reativação após a queda do ano anterior, quando teve seu pior resultado em mais de 25 anos (+6,7%) - anunciou o governo nesta quinta-feira (18), dando sinais de uma conjuntura mais favorável para o gigante asiático.

O crescimento econômico da China também resistiu no quarto trimestre, com +6,8% do Produto Interno Bruto (PIB), informou o Escritório Nacional de Estatísticas, apesar de uma grande campanha antipoluição que afetou a atividade econômica.

O resultado da segunda economia mundial em 2017 supera em 0,1 ponto percentual a previsão média de 11 analistas consultados pela AFP.

O governo chinês pode se considerar satisfeito, já que previa, para 2017, um crescimento mais fraco, "em torno de 6,5%".

Alguns analistas questionam a confiabilidade do PIB chinês, ao mesmo tempo em que acompanham esses números com atenção. O país já representa um terço do crescimento econômico mundial.