Mercado fechado

China planeja fundo de infraestrutura de US$75 bi para revitalizar economia, dizem fontes

Trabalhadores de construção em Xangai

Por Xiangming Hou e Kevin Yao

PEQUIM (Reuters) - A China criará um fundo estatal de investimento em infraestrutura no valor de 500 bilhões de iuanes (74,69 bilhões de dólares) para estimular gastos com infraestrutura e reanimar uma economia em desaceleração, disseram duas fontes com conhecimento do assunto à Reuters nesta terça-feira.

A segunda maior economia do mundo iniciou uma recuperação lenta ante os choques de oferta causados por extensos lockdowns no segundo trimestre, embora persistam vários desafios ao crescimento, incluindo um mercado imobiliário ainda frio, gastos moderados do consumidor e o medo de ondas recorrentes de infecções por Covid-19.

O fundo de investimento deve ser criado no terceiro trimestre, disseram as fontes, sem fornecer mais detalhes.

O Ministério das Finanças e a Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma da China não responderam imediatamente a pedidos de comentário da Reuters.

A China anunciou uma série de medidas de apoio econômico nas últimas semanas, embora analistas digam que a meta oficial de crescimento de cerca de 5,5% do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano será difícil de alcançar sem o fim da estrita estratégia de "Covid zero" do país asiático.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos