Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,48
    +0,04 (+0,05%)
     
  • OURO

    1.764,20
    -1,50 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    61.992,12
    +410,27 (+0,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.430,53
    -21,11 (-1,45%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.203,83
    -30,20 (-0,42%)
     
  • HANG SENG

    25.409,75
    +78,75 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    29.025,46
    +474,56 (+1,66%)
     
  • NASDAQ

    15.290,00
    -0,50 (-0,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3925
    +0,0010 (+0,02%)
     

China lançará no sábado sua missão espacial tripulada mais longa

·1 minuto de leitura
A Shenzhou-13 na área de lançamento da base de Jiuquan, noroeste da China (AFP/STR)

A China lançará no sábado sua missão espacial tripulada mais longa, a Shenzhou-13, durante a qual três astronautas passarão seis meses na estação espacial chinesa em construção.

Para reduzir o atraso em relação a Estados Unidos e Rússia, a China executa um ambicioso programa espacial que permitiu ao país enviar sondas à Lua e Marte, além de ter seu próprio sistema GPS.

A tripulação da Shenzhou-13 decolará no sábado às 0H23 locais (13H23 de Brasília, sexta-feira) da base de Jiuquan, no deserto de Gobi (noroeste da China), anunciou a Agência Espacial para os Voos Tripulados (CMSA).

Os três astronautas se acoplarão a Tianhe ("Harmonia celestial"), o único módulo que já está em órbita dos três que formarão a estação espacial.

A missão consistirá em acompanhar a construção e revisar os equipamentos. Também farão "duas ou três saídas ao espaço", afirmou a CMSA.

A tripulação será integrada por Zhai Zhigang (55 anos), o primeiro chinês a fazer uma saída extraveicular em 2008, Wang Yaping (41 anos), a segunda chinesa a viajar ao espaço em 2013, e Ye Guangfu (41 anos), em seu primeiro voo espacial.

Todos são militares e membros do Partido Comunista Chinês.

Eles dobrarão o recorde de duração para uma missão tripulada chinesa, estabelecida em setembro pelos astronautas da Shenzhou-12, que passaram três meses no módulo Tianhe.

"Passar seis meses em gravidade zero será, sem dúvida exaustivo", declarou o comandante Zhai Zhigang.

A estação espacial deve ser concluída no fim de 2022. Receberá o nome Tiangong ("Palácio celestial") em chinês ou CSS ("Estação espacial chinesa") em inglês, com um tamanho similar ao da antiga estação soviética Mir (1986-2001). Permanecerá operacional por pelo menos 10 anos.

ehl/bar/lch/erl/mb/fp

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos