Mercado abrirá em 4 h 10 min
  • BOVESPA

    112.282,28
    +2.032,55 (+1,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.338,34
    +510,21 (+1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,35
    +0,12 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.767,10
    -11,70 (-0,66%)
     
  • BTC-USD

    43.898,26
    +1.482,62 (+3,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.106,48
    +66,00 (+6,34%)
     
  • S&P500

    4.395,64
    +41,45 (+0,95%)
     
  • DOW JONES

    34.258,32
    +338,48 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.114,90
    +31,53 (+0,45%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.270,75
    +107,25 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2192
    +0,0104 (+0,17%)
     

China investiga empresas de fertilizantes suspeitas de aumentar preços

·1 minuto de leitura
Trabalhador em terminal de exportação de fertilizantes na China

PEQUIM (Reuters) - O órgão regulador de mercado da China anunciou nesta quarta-feira que deu início a uma investigação contra produtoras e distribuidoras de fertilizantes suspeitas de aumentar os preços dos insumos.

A investigação é a mais recente de uma série de medidas tomadas pelas autoridades chinesas diante da disparada nos preços de fertilizantes e outras commodities, o que elevou os custos para os consumidores.

Ao anunciar a investigação em comunicado publicado em seu website, a Administração Estatal para Regulação do Mercado também disse que continuará atenta aos preços dos fertilizantes, punindo atos ilegais como entesouramento, aumento de preços e conluio para formação de preços.

Os preços dos fertilizantes na China --um dos maiores produtores de grãos do mundo-- atingiram níveis recordes neste ano, em meio à redução da produção doméstica, à maior demanda externa e aos altos custos com a energia. As recentes inundações na província de Henan, na região central do país, também afetaram a produção.

A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (NDRC, na sigla em inglês), órgão estatal de planejamento da China, disse na semana passada que convocou empresas de fertilizantes para uma discussão sobre entesouramento e especulação de preços.

Diante disso, algumas das principais empresas de fertilizantes da China disseram que vão suspender exportações temporariamente para garantir o abastecimento do mercado interno, segundo a NDRC.

(Por Redação Pequim)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos