Mercado fechará em 5 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    111.482,91
    -441,02 (-0,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,23 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,62
    +2,64 (+3,30%)
     
  • OURO

    1.805,00
    -4,60 (-0,25%)
     
  • BTC-USD

    17.247,78
    +304,62 (+1,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    408,60
    +7,18 (+1,79%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,88 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.585,02
    +28,79 (+0,38%)
     
  • HANG SENG

    19.518,29
    +842,94 (+4,51%)
     
  • NIKKEI

    27.820,40
    +42,50 (+0,15%)
     
  • NASDAQ

    11.933,50
    -76,75 (-0,64%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5347
    +0,0407 (+0,74%)
     

China concede licença de jogos à Tencent pela primeira vez em mais de um ano

A China concedeu uma nova licença de jogo eletrônico à empresa Tencent, peso-pesado do setor, pela primeira vez em um ano e meio, em um contexto de recuperação do setor da tecnologia.

Os videogames, que na China representam uma importante fonte de renda, são alvo das autoridades desde o ano passado por serem considerados viciantes para os jovens.

No ano passado, Pequim congelou todas as novas licenças por nove meses, um requisito essencial para comercializar um jogo no maior mercado mundial.

A China retomou o licenciamento em abril, mas a Tencent não havia obtido nenhuma até agora, o que enfraqueceu a sua posição como número um do mundo.

Na quinta-feira, 70 novos jogos receberam autorização para comercialização, incluindo "Metal Slug: Awakening" da Tencent, anunciou a administração de imprensa e publicações.

A última grande licença concedida à Tencent foi em maio de 2021.

A concorrente NetEase recebeu uma nova licença na quinta-feira, após a primeira em setembro.

As decisões enviaram um sinal positivo aos mercados na sexta-feira, que viram a redução das restrições a um setor lucrativo.

As ações da NetEase subiram mais de 5% na Bolsa de valores de Hong Kong, enquanto as da Tencent subiram mais de 2%.

Pequim adotou regras sobre o mercado de jogos eletrônicos para combater o vício entre menores de 18 anos.

O tempo online é limitado a três horas semanais, o que prejudica a lucratividade das empresas do setor.

sbr/cn/mas/atm/aa