Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.707,76
    +195,38 (+0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.734,04
    -67,64 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,87
    -0,24 (-0,27%)
     
  • OURO

    1.781,00
    +4,30 (+0,24%)
     
  • BTC-USD

    23.454,35
    -552,54 (-2,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    557,84
    -14,98 (-2,61%)
     
  • S&P500

    4.274,04
    -31,16 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    33.980,32
    -171,69 (-0,50%)
     
  • FTSE

    7.515,75
    -20,31 (-0,27%)
     
  • HANG SENG

    19.991,94
    +69,49 (+0,35%)
     
  • NIKKEI

    28.951,10
    -271,67 (-0,93%)
     
  • NASDAQ

    13.467,00
    -26,25 (-0,19%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2651
    +0,0059 (+0,11%)
     

Chileno recebe, acidentalmente, salário de R$ 1 milhão em vez de R$ 2.900

Caso aconteceu em maio (Getty Images)
Caso aconteceu em maio

(Getty Images)

  • Chileno recebe, acidentalmente, salário 330 vezes maior;

  • Ele deveria receber 500 mil pesos chilenos, mas ganhou 165.398.851;

  • Após empresa confirmar o erro, ele fugiu e segue desaparecido.

Um morador do Chile desapareceu depois de ter recebido, acidentalmente, 330 vezes o valor de seu salário. O funcionário esperava 500 mil pesos chilenos, mas ganhou cerca de 165.398.851. Em reais, é como se tivesse obtido R$ 1 milhão em vez de R$ 2.900.

O caso aconteceu em maio deste ano e, de acordo com o jornal local Diario Financiero, o homem chegou a contatar o gerente do centro de distribuição da CIAL Alimentos, onde trabalhava, e a conversar com o RH da fábrica de carnes.

Após o erro na folha de pagamento ser confirmado, ele prometeu retornar no dia seguinte para resolver a situação. “Passaram horas, houve telefonemas e mensagens de WhatsApp, e só às 11h houve uma resposta: que ele acordou tarde e que iria ao banco", aponta o jornal chileno.

Entretanto, o trabalhador não apareceu mais. Dias depois, ele enviou à empresa, por meio de um advogado, uma carta de demissão voluntária, sem restituir nenhum valor.

Depois da recursa, a CIAL Alimentos acusou o ex-funcionário de crime de apropriação indébita e segue o procurando para que ele retorne o dinheiro recebido a mais. A empresa não respondeu ao pedido de comentário feito pelo portal Insider.

Caso similar

Em dezembro de 2021, um homem recebeu, por engano, R$ 318 mil da rede Globo. O dinheiro foi transferido, sem querer, por um funcionário da emissora, que deveria tê-lo enviado a outra pessoa.

A situação, no entanto, não foi fácil de resolver. Ao perceber o valor creditado em sua conta, o homem aproveitou para gastá-lo com a compra de uma casa própria. A Globo entrou na Justiça para recuperar o valor e, recentemente, o sortudo que recebeu a transferência desistiu de entrar com uma ação de contra-ataque com a emissora.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos