Mercado fechado

Chevrolet Tracker 2021 ganha versões LTZ e Premier 1.0 Turbo por R$ 105.490

br.info@motor1.com (Dyogo Fagundes)
·1 minuto de leitura
Chevrolet Tracker Premier 1.0 Turbo
Chevrolet Tracker Premier 1.0 Turbo

Novidades começam a chegar às lojas com preços inferiores às equivalentes 1.2 Turbo

Anunciada desde o início de setembro, a ampliação da oferta do motor 1.0 Turbo dentro da gama Tracker começa a ser implementada pela Chevrolet no Brasil. Como previsto, as versões LTZ e Premier começam a chegar às concessionárias a partir de agora com motor de menor deslocamento. No primeiro caso, o motor 1.2 Turbo sai definitivamente de oferta. No segundo, fica restrito ao pacote que inclui teto solar.

No caso do Tracker LTZ 1.0 Turbo, o preço sugerido é de R$ 105.490 - ou seja, redução de exatos R$ 1.000 na comparação com o modelo 1.2 que custava R$ 106.490. Entre os equipamentos, a novidade perde itens como faróis de neblina, mas em compensação ganha entradas USB para os ocupantes do banco traseiro e sensor de estacionamento.

No caso do Premier 1.0, o preço de tabela é R$ 114.590 - cerca de R$ 6.700 a menos que o Premier 1.2, que continua em oferta por R$ 121.290 com o diferencial do teto solar. Em todos os casos o câmbio é sempre automático de 6 marchas e a tração, apenas dianteira. O motor 1.0 Turbo, vale lembrar, entrega até 116 cv de potência e 16,8 kgfm de torque, enquanto o 1.2 Turbo desenvolve 133 cv e torque de até 21,4 kgfm.

Leia também:

“O Tracker 1.0 Turbo surpreendeu em performance e eficiência energética, superando inclusive concorrentes equipados com motores maiores. Além disso, estamos observando grande interesse do mercado por configurações mais equipadas”, explicou Rodrigo Fioco, diretor de Marketing de Produto da GM América do Sul, no comunicado enviado à imprensa em setembro.

Fotos: Divulgação e arquivo Motor1.com