Mercado abrirá em 2 h 34 min
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,78
    +0,01 (+0,02%)
     
  • OURO

    1.853,30
    -1,90 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    31.699,33
    -668,95 (-2,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    641,04
    -35,86 (-5,30%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.680,71
    +41,86 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.452,50
    -23,00 (-0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6920
    +0,0558 (+0,84%)
     

Chevrolet Silverado é apresentada na Argentina e deve vir ao Brasil em 2021

br.info@motor1.com (Dyogo Fagundes)
·2 minuto de leitura
Chevrolet Silverado - Argentina
Chevrolet Silverado - Argentina

Picape está em exposição no país vizinho na versão 1500 equipada com motor 3.0 diesel de 281 cv

O mercado de picapes na Argentina promete ser, de longe, um dos mais agitados da América do Sul em 2021. Prova disso é que, além das já confirmadas Ford F-150 e Jeep Gladiator, o país receberá nos primeiros meses do ano que vem outra importante camionete de origem norte-americana: a Chevrolet Silverado. Exposta para o público nesta semana em Cariló, no litoral do país, a picape chegará às lojas locais importada do México como opção acima da S10.

A versão apresentada ao público é a 1500, equipada com motor turbodiesel 3.0 de 6 cilindros que entrega potência de 281 cv e torque de 63,1 kgfm. No entanto, a Chevrolet ainda não bateu o martelo sobre qual configuração ofertará no país. Por enquanto, diz apenas que "estuda as preferências do público para trazer a versão mais adequada ao mercado a partir do ano que vem".

De todo modo, há grandes chances de o lançamento em 2021 contemplar justamente a variante apresentada agora. Não só pela preferência do consumidor local por picapes a diesel, mas também por ser a configuração que a marca já oferta em mercados próximos como Paraguai e Chile. A produção concentrada no complexo industrial de Silao, no México, é outro fator que facilita a chegada da picape à região.

Leia também:

Não por acaso, o lançamento da Silverado no Brasil também é bastante especulado. É bom lembrar, a produção em solo mexicano isenta o modelo do pagamento do Imposto de Importação, gerando clara competitividade no preço final na comparação com veículos produzidos em países sem acordos comerciais firmados com o Brasil.

2020 Chevy Silverado
2020 Chevy Silverado

Outro ponto positivo é a fato de a Silverado ser oferecida na versão 1500, ou seja, dentro do limite de peso bruto total para uso da CNH categoria B no Brasil, da mesma forma que a RAM 1500. Esta última, porém, chega ao país importada dos Estados Unidos e, portanto, pagando 35% de imposto. Resta saber se os rumores serão confirmados.

Fotos: Divulgação