Mercado fechado

Chevrolet Groove: novo SUV de entrada chega em breve à América Latina

br.info@motor1.com (Dyogo Fagundes)
·2 minuto de leitura
Chevrolet Groove
Chevrolet Groove

Crossover compacto foi desenvolvido na China e será posicionado abaixo do Tracker

Apesar de já atuar no mercado de SUVs compactos com a nova geração do Tracker, a Chevrolet prepara para breve na América Latina o lançamento de mais uma novidade no segmento. Conforme adianta o site GM Authority, a marca ofertará na região - e em mais de 40 países de Ásia, Oriente e África - o novo crossover Groove, desenvolvido especificamente para mercados emergentes.

O modelo toma como base a plataforma da geração passada do Tracker e deriva diretamente do Baojun 510, dentro da mesma receita de rebadge que originou uma versão específica do Captiva vendida em alguns países latinos e asiáticos. A Baojun é de origem chinesa e atua como subsidiária de baixo custo no portfólio da General Motors.

Na comparação com o modelo original, o Groove apresenta grade frontal com desenho próprio, paleta de cores específica e interior com novas opções de revestimento. No mais, tudo remete ao Baojun 510 - até mesmo o desenho das rodas. Em termos dimensionais, ambos têm 4.220 mm de comprimento, 1.740 mm de largura, 1.625 mm de altura e 2.550 mm de entre-eixos.

Leia também:

Sob o capô, o motor 1.5 aspirado de 105 cv e 13,8 kgfm de torque pode vir associado ao câmbio automático do tipo CVT ou manual, ambos com 6 marchas. Entre os principais equipamentos, destaque para faróis em LED, teto-solar panorâmico, sistema multimídia com tela de 8 polegadas, 4 airbags e os controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampas.

Chevrolet Groove
Chevrolet Groove
Chevrolet Groove (Baojun 510)
Chevrolet Groove (Baojun 510)

No mercado latino-americano, o Groove será vendido em países como Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai, sempre importado da China e posicionado abaixo do novo Tracker. No Brasil, a Chevrolet chegou a registrar o nome do modelo junto ao INPI, mas o lançamento é pouco provável.


Source: GM Authority