Mercado abrirá em 5 h 26 min

Chevrolet Corvette 2020 estreia com motor central de mais de 500 cv

feedback@motor1.com (Christopher Smith)
Chevrolet Corvette Stingray 2020

Oitava geração ganha traços europeus e promete encarar Ferrari e Lamborghini

Há três anos, tivemos nossa primeira imagem de um protótipo do Corvette de nova geração carregado de camuflagem. Agora os disfarces finalmente foram retirados e podemos conhecer o aguardado Chevrolet Corvette Stingray 2020. A nova linhagem representa uma profunda quebra de paradigma para o carro esportivo icônico da América e traz à vida a visão de um Corvette de motor central concebido pela primeira vez por Zora Arkus-Duntov há meio século. Passados esses quase 60 anos, a pergunta de um milhão de dólares é a seguinte: valeu a pena esperar? Considerando que a Chevrolet diz que você pode entrar neste carro por menos de US $ 60.000, todas as indicações apontam para um retumbante sim.

Deixando os preços de lado, a ficha técnica aponta para números animadores. Conforme especulado, o motor instalado logo atrás dos passageiros é um V8 de 6.2, derivado do LT1 que alimentou o C7 Stingray, mas com profundas modificações. O propulsor agora recebe o batismo LT2 e incorpora mudanças de projeto exigidas para o regime intermediário do motor e para o aumento de potência.

'

Agora são entregues como padrão 497 cv ou 502 cv nas versões equipadas com o pacote opcional Z51 Performance Package – um ganho considerável sobre os 466 cv do LT1. Por outro lado, os mais puristas certamente não gostarão do novo câmbio automático de dupla embreagem e 8 marchas, que será a única opção disponível. Os adeptos de caixas manuais terão de se contentar apenas com borboletas para trocas atrás de volante. E sim, toda força ainda vai exclusivamente para as rodas traseiras.

O que tudo isso significa em termos de desempenho? Na verdade, muita coisa. Segundo a Chevrolet, quando equipado com o pacote acima mencionado, o novo Corvette acelera de 0 a 96 km/h em menos de 3 segundos. Os números exatos ainda não são conhecidos, mas se você for um fã do Corvette, saberá que o C7 ZR1 atual atinge a marca de 100 km/h em 2,8 segundos. Isso significa que, pelo menos em um sprint curto, o novo modelo básico C8 anda lado a lado com o mais poderoso "Vette" construído. Essa é uma maneira muito boa de lançar um novo modelo.

'

Por dentro, o novo layout do motor central dá ao Corvette uma cabine completamente nova e equipada com um par de monitores digitais para o painel de instrumentos e o sistema de entretenimento. O arranjo envolvente parece bastante aconchegante e centrado no motorista, com um console central robusto separando o condutor do passageiro. E uma surpresa nesta era de linhas limpas - os fãs de botões vão adorar a verdadeira faixa de controle manual aninhada na coluna central do C8. Alguns podem achar que os botões - que operam o sistema de ar-condicionado, painel e assentos - são desagradáveis. No entanto, é melhor simplesmente pressionar um botão em vez de navegar em um monitor.

No quesito equipamentos, unidades equipadas com o pacote Z51 Performance Package acrescentam freios mais robustos e sistema de escape exclusivo, além da potência extra. Merece destaque ainda o sistema Magnetic Ride Control, que pode ser controlado através de vários modos de condução, incluindo o chamado modo Z (que oferece personalização completa de todas as configurações). Os componentes elétricos fazem parte da nova plataforma de veículos digitais e da arquitetura eletrônica do C8 que, entre outras coisas, permitirão atualizações futuras.

Embora o motor esteja agora central, o design exterior geral do C8 não chega a ser uma ruptura em reação ao C7. As várias projeções publicadas ao longo dos últimos meses chegaram bem próximo, com entradas laterais inclinadas para frente não diferentes daquelas usadas nos conceitos de motores médios do Corvette Indy e CERV III. É na prática a característica externa mais dominante. Na parte traseira você pode levar uma mala de tamanho razoável ou talvez mais condizente com o típico comprador Corvette, um par de sacos de golfe. E aqui está uma boa notícia para pessoas ao redor do mundo que dirigem sob mão inglesa: a Chevrolet planeja construir também versões com volante do lado direito.

Até agora, tudo parece bastante impressionante, mas talvez a notícia mais chocante de todas seja o preço. Ainda não recebemos uma estimativa, mas a GM estima que o C8 Stingray começará com menos de US$ 60.000. Isso é apenas um pouco mais do que a figura inicial do C7, o que significa que o Chevrolet Corvette poderia continuar a ser o campeão mundial de desempenho.

Fonte: Chevrolet