Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    112,70
    +0,49 (+0,44%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.151,51
    -1.285,38 (-4,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Chefe de marketing do TikTok é demitido após campanhas bizarras e sem sucesso

·3 min de leitura
Situação de Nick Tran, ex-executivo do Hulu - que estava à frente do TikTok há menos de dois anos - já estava por um fio, segundo o The New York Post (Dado Ruvic/REUTERS)
Situação de Nick Tran, ex-executivo do Hulu - que estava à frente do TikTok há menos de dois anos - já estava por um fio, segundo o The New York Post (Dado Ruvic/REUTERS)
  • Nick Tran, ex-executivo do Hulu, estava à frente do TikTok há menos de dois anos

  • Ex-chefe de marketing surpreendeu negativamente os colegas com lançamentos de campanhas

  • Iniciativa com restaurante levou o status já instável de Tran ao limite dentro da empresa

O chefe de marketing do TikTok foi demitido depois de surpreender a alta administração com uma série de campanhas cada vez mais bizarras, segundo apurou o portal norte-americano The New York Post.

Nick Tran, um ex-executivo do Hulu que estava na empresa de vídeos curtos há menos de dois anos, foi demitido depois de “be rogue” - expressão em inglês para manifestar insatisfação e desaprovação com alguém (ela é utilizada principalmente no contexto da política) com várias manobras que buscavam envolver o popular aplicativo de compartilhamento de vídeo em novas linhas de negócios, incluindo NFTs e restaurantes.

Leia também:

"Cozinha TikTok" teria sido gota d'água

Recentemente, Tran revelou um plano - aparentemente sem o apoio da liderança sênior - para lançar a “cozinha TikTok” com alimentos populares no aplicativo. O que, segundo fontes ouvidas pelo portal norte-americano, teria sido a 'gota d'água' para sua demissão.

Afinal, no fim de dezembro, vazaram notícias para diversos jornais online e impressos de que a gigante da tecnologia abriria até mil “cozinhas fantasmas” em 2022. O, agora, ex-chefe de marketing da empresa planejava fazer parceria com o serviço de entrega Virtual Dining Concepts (VDC) para entregar pratos nos EUA que se tornaram virais no TikTok. “Não estamos no ramo de restaurantes e não devemos fingir estar”, disse um executivo do TikTok no início deste mês.

Ideias controversas

Outros lançamentos de produtos incompletos que perturbaram o gerenciamento incluíram uma “coleção NFT liderada pelo criador” com celebridades como Lil Nas X e Bella Poarch. O projeto foi apresentado em outubro com grande alarde e recebeu ampla cobertura. Tran, no entanto, não conseguiu entregar e tentou varrer para debaixo do tapete, segundo relatos. Ele também liderou os "Currículos do TikTok", que buscavam colocar os usuários do aplicativo em empregos de nível básico com diversos empregadores, incluindo Alo Yoga, Target e Chipotle.

"Golpe publicitário"

Um executivo sênior do TikTok acrescentou que essas campanhas estavam fora de sintonia com os objetivos da empresa e deu a impressão de que estaria acontecendo uma espécie de separação interna por conta dos desentendimentos contínuos sobre o uso de “stunt-marketing" - ou "golpe publicitário", quando um evento é planejado, ou uma ação é projetada, para atrair a atenção do público. "Havia muitos shows paralelos, e ele estava ficando à frente dos negócios”.

TikTok já tem substituto

A diretora de operações global do TikTok, Vanessa Pappas, substituirá Tran até que a empresa encontre alguém para ocupar especificamente o cargo - que era ocupado pelo ex-executivo do Hulu, onde atuou como vice-presidente de marketing de marca e cultura, desde 2020. “Podemos confirmar que Nick Tran não está mais no TikTok e desejamos a ele boa sorte em seus futuros empreendimentos”, disse um porta-voz da empresa ao The New York Post. Tran também trabalhou em marketing digital na Samsung e Taco Bell, onde recebeu uma série de prêmios da Forbes, Fortune, Adweek e AdAge.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos