Mercado fechado

CES 2020 | BlackBerry e Amazon desenvolverão softwares automotivos

Felipe Ribeiro

A BlackBerry agora é mais uma empresa a se aventurar no mercado automotivo. Em parceria com a Amazon, a companhia está desenvolvendo soluções de software para conectar automóveis com base em seu sistema operacional, o QNX, mas com muito foco em segurança. O papel da gigante do varejo, no entanto, será de fornecer suplementação em IoT por meio do Amazon Web Services, o que permitirá aos fabricantes de carros construírem aplicativos de IA e acessarem dados para veículos conectados, elétricos e autônomos. O acordo foi anunciado durante a CES 2020.

O sistema permitirá que as montadoras executem uma plataforma de software comum para sistemas de veículos como controladores de motor, rastreadores (TCUs) e cockpits digitais. Ao mesmo tempo, usará a tecnologia AWS da Amazon para permitir que as montadoras acessem os dados do sensor do veículo, criem aplicativos e modelos de machine learning usando dados daquele modelo, além de permitir conectividade segura e atualizações de software sem fio.

A BlackBerry já investiu bastante na segurança dos veículos, oferecendo seu sistema Jarvis para ajudar as montadoras a detectarem bugs que poderiam ser explorados por hackers. Os veículos estão rapidamente se tornando muito complexos e conectados com itens como assistentes pessoais e recursos de IoT. Os veículos elétricos, por exemplo, também podem se tornar parte integrante dos backups domésticos e da rede, exigindo software complexo para controlar tudo, inclusive seu carregamento.

"Atacar" este nicho de mercado parece ser a maior intenção desta parceria entre BlackBerry e Amazon. Proteger os carros, que estão cada vez mais conectados e suscetíveis a ataques de hackers, vai exigir um nível de conhecimento e tecnologia acima da média e ambas as empress podem entregar isso.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: