Mercado abrirá em 27 mins
  • BOVESPA

    120.705,91
    +995,88 (+0,83%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.829,31
    +80,90 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,46
    +0,64 (+1,00%)
     
  • OURO

    1.838,40
    +14,40 (+0,79%)
     
  • BTC-USD

    50.421,58
    +217,73 (+0,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.400,92
    +13,01 (+0,94%)
     
  • S&P500

    4.112,50
    +49,46 (+1,22%)
     
  • DOW JONES

    34.021,45
    +433,79 (+1,29%)
     
  • FTSE

    7.014,14
    +50,81 (+0,73%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.244,25
    +144,00 (+1,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3989
    -0,0136 (-0,21%)
     

CEO da Vitol diz ver preços do petróleo a caminho de US$50 por barril

·1 minuto de leitura

LONDRES (Reuters) - Os preços do petróleo deverão caminhar para a faixa superior da casa dos 40 dólares, ou mesmo para 50 dólares nos próximos meses, à medida que estoques caem ligeiramente durante o inverno, em uma tendência que deve acelerar a partir da metade de 2021, disse o presidente da Vitol, Russell Hardy, nesta terça-feira.

Os preços do petróleo Brent, referência no mercado internacional, operavam perto de 43 dólares por barril nesta terça-feira.

As cotações do petróleo subiram cerca de 8% na segunda-feira, em meio a esperanças de que uma vacina para Covid-19 possa estar no horizonte, depois que Pfizer e BioNTech afirmaram que testes iniciais de uma vacina mostraram efetividade de mais de 90%.

(Por Dmitry e Julia Payne)