Mercado abrirá em 9 h 11 min

CEO da Redmi descarta sensor de 108 MP para o K30 Pro

Diego Sousa

A Redmi deverá apresentar o Redmi K30 Pro no próximo dia 27 de março e, ao que tudo indica, seremos apresentados a um smartphone com Snapdragon 865 e redes 5G por um preço inferior do que o praticado pelas concorrentes.

Grande parte dessa prática da Redmi se dá pelo corte em alguns componentes-chave, como será o caso de suas câmeras. Isso porque o CEO da Redmi, Manu Kumar Jain, utilizou sua conta no Twitter para confirmar que o Redmi K30 Pro não contará com o sensor principal de 108 MP.

Segundo ele, o módulo de câmera custa muito caro, o que não se encaixa na proposta de um smartphone Redmi. Só para se ter uma noção de preço, o site TechInsights descobriu que apenas o conjunto de câmeras do Galaxy S20 Ultra, que é equipado com o novo sensor de 108 MP, custa cerca de US$ 107,50.


Tradução:

“108 MP em um #RedmiNote? Espero que um dia, mas não no próximo! O incrível preço que cobramos pelo #RedmiNote torna difícil a integração de um sensor de 108 MP. Este módulo custa caro de mais. Por enquanto, o sensor de 108 MP está presente apenas nos nossos principais dispositivos da série #Mi.”

Redmi K30 Pro deverá vir também com câmera frontal pop-up (Foto: Reprodução/4gNews)

A afirmação do executivo faz sentido, uma vez que a linha Redmi serve como opções igualmente potentes, porém contando com alguns cortes pontuais para se diferenciar da linha principal da Xiaomi - até no preço.

Ao invés do sensor de 108 MP da Samsung, é bem provável que o Redmi K30 Pro seja equipado com o Sony IMX686, de 64 MP. Esse sensor é o mesmo que já equipa o seu irmão menor, além do recente Oppo Reno 3. Inclusive, rumores indicam que ele também estará presente no iPhone 12. Confira mais detalhes na matéria abaixo:


Possível ficha técnica do Redmi K30 Pro:

  • Tela: 6,67 polegadas Full HD+ AMOLED;
  • Sensor biométrico: sim, na tela;
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 865 5G;
  • Câmeras: quatro sensores na traseira, sendo a principal de 64 MP;
  • Bateria de 4.700 mAh;
  • Carregamento rápido: sim, de 33 W;
  • Preço médio: 400 euros.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: