Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,32 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,83
    -0,31 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.836,10
    +4,30 (+0,23%)
     
  • BTC-USD

    35.268,96
    -37,61 (-0,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,25 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,64 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -15,50 (-0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

CEO da Microsoft vende mais de R$ 1,5 bilhão em ações

·2 min de leitura
O presidente e CEO da Microsoft, Satya Nadella, perdeu mais da metade de sua participação na gigante do software na semana passada. (REUTERS/Lindsey Wasson)
  • Satya Nadella, CEO da Microsoft, vendeu o equivalente a R$ 1,5 bilhão em ações da empresa

  • Ações da Microsoft subiram mais de 50% no último ano e valorizam ainda mais o CEO

  • Remuneração anual de Nadella atingiu a casa dos R$ 280 milhões em 2020

Parece que Elon Musk, da Tesla, não é o único CEO de destaque se livrando das ações da empresa que dirigem. O presidente e CEO da Microsoft, Satya Nadella, perdeu mais da metade de sua participação na gigante do software na semana passada.

Leia também

Nadella vendeu quase 840.000 ações da Microsoft pouco antes do Dia de Ação de Graças, rendendo a ele cerca de US$ 285 milhões (R$ 1,5 bilhão) em receitas, de acordo com um arquivamento junto à Securities and Exchange Commission. Ele ainda possui mais de 830.000 ações da Microsoft, que atualmente valem cerca de US$ 280 milhões (R$ 1,49 bilhão).

Faz sentido que Nadella tire algum dinheiro da mesa. Afinal, as ações da Microsoft tiveram um desempenho estelar este ano, subindo mais de 50%. A Microsoft obteve fortes vendas e ganhos graças à posição de liderança na nuvem que estabeleceu desde que Nadella assumiu o cargo de CEO em 2014. A empresa agora vale mais de US$ 2,5 trilhões (R$ 14 trilhões). Apenas a rival Apple tem um valor de mercado mais alto.

Remuneração anual de Nadella atinge R$ 280 milhões

E Nadella foi generosamente recompensada por seu mandato de sucesso na Microsoft. De acordo com a declaração anual de procuração de acionista mais recente da Microsoft protocolada na SEC, Nadella ganhou um salário de US$ 2,5 milhões neste ano fiscal e um pacote de remuneração anual total, que inclui prêmios em ações e incentivos em dinheiro, de quase US$ 50 milhões (R$ 280 milhões). Nadella também ganhou mais de US$ 40 milhões (R$ 224 milhões) nos últimos dois anos fiscais.

Sob Nadella, a Microsoft ampliou sua unidade de nuvem Azure. A empresa também está ganhando dinheiro com seu pacote principal do Office 365 de Word, Excel, PowerPoint e outros softwares de negócios, bem como com sua unidade de rede social corporativa no LinkedIn e divisão de jogos Xbox.

A venda de ações também ocorre um pouco antes de o estado natal da Microsoft, Washington, implementar um imposto sobre ganhos de capital de longo prazo de 7%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos