Mercado abrirá em 3 h 28 min
  • BOVESPA

    109.068,55
    -1.120,02 (-1,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.725,96
    -294,69 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,47
    +0,46 (+0,64%)
     
  • OURO

    1.794,80
    -3,20 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    16.830,36
    +51,72 (+0,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    395,35
    -6,68 (-1,66%)
     
  • S&P500

    3.933,92
    -7,34 (-0,19%)
     
  • DOW JONES

    33.597,92
    +1,58 (+0,00%)
     
  • FTSE

    7.473,93
    -15,26 (-0,20%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.516,50
    +7,00 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4745
    +0,0081 (+0,15%)
     

CEO da Apple não acredita no metaverso, mas aponta outra tecnologia que “vamos olhar para trás e pensar em como uma vez se viveu sem”

Tim Cook, CEO da Apple.
Tim Cook, CEO da Apple.

Mesmo que a palavra metaverso já tenha ganho reconhecimento no último ano, ainda é difícil que todos cheguem a um consenso sobre o seu significado. Segundo Tim Cook, CEO da Apple, este é o principal motivo pelo qual o metaverso pode não funcionar.

Em passagem pela Europa, as falas de Cook foram registradas pelo portal holandês RTL Nieuws. Como destaque, o executivo comentou acreditar que a tecnologia de realidade aumentada (AR) fará parte de nossas vidas em breve. Entretanto, desmereceu a realidade virtual (VR) por pensar que as pessoas não vão querer viver sua vida em um mundo digital.

Em mais detalhes, enquanto AR permite a visualização de itens digitais no mundo real, o VR ignora toda realidade, criando um universo a parte para seus usuários.

Apple deve ficar fora do metaverso, ao menos por enquanto

Enquanto as ações do Facebook estão em queda de 63% após mudar seu nome para Meta — focando seus esforços no metaverso — a Apple está sofrendo menos com o bear market que está afetando tanto o mercado acionista quanto o de criptomoedas.

Na última sexta-feira (30), Tim Cook falou sobre a chegada destas novas tecnologias. Entretanto, o CEO da Apple está cético em relação à realidade virtual e ao metaverso.

“Sempre penso que é importante que as pessoas entendam o que é algo. E realmente não tenho certeza se uma pessoa comum pode te dizer o que é o metaverso.”

Segundo o dicionário Priberam, metaverso seria um “espaço ou ambiente de realidade virtual, no qual pode haver interação entre usuários.” Entretanto, isso já é possível com jogos digitais há décadas. Além disso, outras pessoas acreditam que VR não seja um requisito, mas sim as criptomoedas.

Na sequência, Cook também expôs seus pensamentos sobre realidade virtual, setor que sua empresa não está investindo.

“É algo em que você pode realmente mergulhar. E isso pode ser usado de uma maneira boa. Mas não acho que você queira viver toda a sua vida dessa maneira. VR é para períodos definidos, mas não é uma maneira de se comunicar bem. Então, não sou contra, mas é assim que vejo”, disse Tim Cook sobre realidade virtual.

Apesar disso, o executivo mostrou-se positivo em relação à realidade aumentada, declarando que ela se tornará comum do dia a dia das pessoas.

“Acho que a realidade aumentada (AR) é uma tecnologia profunda que afetará tudo. Imagine de repente ser capaz de ensinar com AR e demonstrar as coisas dessa maneira. Ou medicamente, e assim por diante. Como eu disse, vamos realmente olhar para trás e pensar em como uma vez se viveu sem AR”, disse Tim Cook sobre realidade aumentada.

Tim Cook investe em criptomoedas

Mesmo negando estar entusiasmado com o metaverso, Tim Cook não está fechado para novos investimentos. Em novembro do ano passado, o CEO da Apple revelou que investe em Bitcoin e que já estava pesquisando sobre criptomoedas há algum tempo.

Seguindo sua linha de pensamento anterior, é realmente mais fácil que uma pessoa comum saiba explicar o que é o Bitcoin do que metaverso.

Por fim, na data Cook também afirmou que não estaria pronto para investir em Bitcoin em nome da Apple. O motivo, segundo ele, é que os investidores não comprariam ações da Apple para se expor em criptomoedas. De qualquer forma, é ótimo ver que o CEO da empresa mais valiosa do mundo esteja investindo em BTC.

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.