Mercado fechado

Celulares com chips MediaTek podem ficar até 15% mais caros

·2 min de leitura

Por conta de um aumento de demanda e da crise de semicondutores, a MediaTek planeja aumentar o preço cobrado pelos seus chips. Mesmo que a proporção dos acréscimos varie entre diferentes modelos, é esperado que os valores fiquem até 15% mais altos, de acordo com informações divulgadas pelo portal chinês UDN.

Chips 5G deverão ter um aumento mais brando (Imagem: Divulgação/MediaTek)
Chips 5G deverão ter um aumento mais brando (Imagem: Divulgação/MediaTek)

Essa projeção é válida para os chips com tecnologia 4G, que não possuem um foco tão grande da companhia por causa da implementação do 5G em vários países — mesmo assim, a demanda por celulares com 4G ainda é relevante, especialmente em locais que não oferecem a última geração da conectividade móvel, como a Índia ou o Brasil.

Porém, os chips mais modernos com 5G também deverão receber um aumento de preços, por volta dos 5%. Os acréscimos são um reflexo da diferença no custo de produção por parte da TSMC, a principal parceira da MediaTek na montagem dos componentes — anteriormente, a companhia já tinha aumentado o preço dos chips de Wi-Fi em cerca de 20%.

Portanto, o preço sugerido de smartphones que possuam componentes da MediaTek deverá aumentar de forma perceptível já nas próximas semanas, especialmente os que oferecem apenas conectividade 4G. A companhia não se pronunciou de forma oficial sobre a questão.

Qualcomm também deverá aumentar seus preços

A Qualcomm, maior concorrente da MediaTek, também deverá aumentar o preço de alguns de seus componentes em breve. Porém, não existem estimativas claras em relação à proporcionalidade desse acréscimo, e ainda não se sabe qual será o efeito nos valores oferecidos para o consumidor final.

Mesmo com a crise dos chips, a Qualcomm lançou uma mensagem otimista em relação à disponibilidade de celulares compatíveis com o 5G neste ano. De acordo com a marca, existe uma expectativa para cerca de 500 milhões de celulares vendidos com chips da companhia, ou seja, um aumento próximo a 10% em comparação com dados registrados em períodos anteriores.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos