Mercado abrirá em 7 h 56 min
  • BOVESPA

    108.843,74
    -2.595,62 (-2,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.557,65
    -750,06 (-1,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,95
    +0,66 (+0,94%)
     
  • OURO

    1.761,50
    -2,30 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    42.480,34
    -3.198,51 (-7,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.060,52
    -73,87 (-6,51%)
     
  • S&P500

    4.357,73
    -75,26 (-1,70%)
     
  • DOW JONES

    33.970,47
    -614,41 (-1,78%)
     
  • FTSE

    6.903,91
    -59,73 (-0,86%)
     
  • HANG SENG

    24.022,12
    -77,02 (-0,32%)
     
  • NIKKEI

    29.963,62
    -536,43 (-1,76%)
     
  • NASDAQ

    15.086,75
    +77,25 (+0,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2466
    +0,0019 (+0,03%)
     

Celular da Huawei com tela super curvada não precisa de botões laterais

·3 minuto de leitura

A Huawei pode estar preparando um smartphone com tela estendida praticamente até a tampa traseira. A patente registrada pela marca chinesa mostra o projeto de um dispositivo com bordas retas quando visualizado de frente, mas com uma grande curvatura na lateral. A tela é batizada como "Arc Display" (tela em formato de arco, em tradução livre).

Patente mostra tela que se estende praticamente até a parte traseira do aparelho (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)
Patente mostra tela que se estende praticamente até a parte traseira do aparelho (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

Comandos como liga/desliga e controles de volume seriam colocados nessas seções laterais da tela, com a possibilidade de modificação de funções dependendo do aplicativo aberto, algo como já foi feito pela própria Huawei com o Mate 30 Pro mas em um nível ainda mais profundo. Um dos usos possíveis desse tipo de tecnologia é a configuração de botôes específicos para jogos, simulando assim o posicionamento de gatilhos de controles de videogame.

Além disso, a patente também cita um sistema de detecção de pressão aplicada, similar ao antigo 3D Touch da Apple. Assim, toques com forças diferentes poderiam trazer ações distintas, além da usabilidade em games também — a tela poderia detectar vários níveis de pressão e aplicar no acelerador de um carro em um jogo de corrida, por exemplo.

Outro exemplo de uso da porção lateral da tela é na captura de fotos, que poderá ser feita com o dedo posicionado na parte superior do aparelho, assim como uma câmera propriamente dita — desde que o aparelho esteja posicionado na horizontal. A Huawei já registrou outra patente que especifica o uso de controles de disparador na lateral de smartphones.

Projetos incluem comandos customizáveis na lateral (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)
Projetos incluem comandos customizáveis na lateral (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

O registro de patentes indica uma intenção da marca em utilizar a tecnologia — ou pelo menos o objetivo de impedir que outras companhias usem. Porém, não é garantia de que a inovação será efetivamente aplicada, pois a marca ainda precisa desenvolver a engenharia do produto para então decidir se a implementação comercial vale a pena.

Renderizações mostram design ousado

Huawei Mate 50 deve ser lançado entre o fim desse ano e o início de 2022 (Imagem: LetsGoDigital)
Huawei Mate 50 deve ser lançado entre o fim desse ano e o início de 2022 (Imagem: LetsGoDigital)

O site LetsGoDigital indica que o possível aparelho a estrear as novidades incluídas na patente é o Huawei Mate 50. O portal ainda mostra renderizações do possível visual do smartphone, já com o display estendido. O design é arrojado, com as quatro lentes traseiras dispostas dentro de dois grandes círculos, junto com o flash LED. Na frente, a câmera de selfies fica debaixo do display, assim como o Galaxy Z Fold 3, Mi Mix 4 e outros aparelhos lançados recentemente. Outros detalhes ou especificações do aparelho ainda não foram reveladas.

Aparelho ainda não foi confirmado pela Huawei, e design traseiro ainda é incerto (Imagem: LetsGoDigital)
Aparelho ainda não foi confirmado pela Huawei, e design traseiro ainda é incerto (Imagem: LetsGoDigital)

Em anos anteriores, a linha Huawei Mate foi lançada por volta do mês de outubro, mas rumores indicam que dessa vez a apresentação pode ser adiada para o ano que vem. Considerando o histórico da linha, é plausível que tal tecnologia chegaria primeiro ao Mate 50, ou ao seu sucessor. Considerando o embargo dos Estados Unidos e a queda vertiginosa da Huawei no mercado de smartphones, provavelmente vamos precisar esperar pelo desempenho da família P50 para que a marca decida se vale a pena ou não lançar o Mate 50.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos