Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    47.090,46
    -511,73 (-1,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

CDC desmente Nicki Minaj: vacinas contra COVID-19 não geram impotência sexual

·1 minuto de leitura

Na última segunda-feira (13), um tuíte de Nicki Minaj polemizou. Na ocasião, a cantora sugere que as vacinas contra COVID-19 podem causar impotência sexual. Mas nesta quarta (15), o próprio Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA desmentiu a afirmação.

"Meu primo em Trinidad não vai tomar a vacina porque um amigo dele tomou e ficou impotente. Seus testículos ficaram inchados. Seu amigo estava a semanas de se casar, agora a garota cancelou o casamento. Então, apenas ore sobre isso e certifique-se de que você está confortável com sua decisão", escreveu a artista em sua conta do Twitter:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Em resposta, o CDC disse o seguinte: “Não há evidências de que as vacinas, incluindo as da COVID-19, causem problemas de fertilidade masculina”.

(Imagem: FabrikaPhoto/Envato Elements)
(Imagem: FabrikaPhoto/Envato Elements)

Os especialistas relembram que as vacinas mais comuns em uso nos EUA, que são as da Pfizer e da Moderna, contêm mRNA e não o vírus vivo. Logo, as vacinas de mRNA não alteram o DNA do seu corpo e não há meios plausíveis para a vacina causar impotência ou inchaço dos testículos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos