Mercado abrirá em 2 h 16 min
  • BOVESPA

    108.843,74
    -2.595,62 (-2,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.557,65
    -750,06 (-1,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,12
    +0,83 (+1,18%)
     
  • OURO

    1.766,90
    +3,10 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    43.375,61
    -1.266,38 (-2,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.087,87
    -46,51 (-4,10%)
     
  • S&P500

    4.357,73
    -75,26 (-1,70%)
     
  • DOW JONES

    33.970,47
    -614,41 (-1,78%)
     
  • FTSE

    6.988,04
    +84,13 (+1,22%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.839,71
    -660,34 (-2,17%)
     
  • NASDAQ

    15.115,50
    +106,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2466
    +0,0019 (+0,03%)
     

Casos de Covid-19 nos EUA atingem maior número em seis meses ao passar de 100 mil

·1 minuto de leitura
Pessoas caminham de máscara em Nova York

Por Roshan Abraham

(Reuters) - Os Estados Unidos atingiram o maior número de casos novos de Covid-19 em seis meses ao passar de 100 mil infecções relatadas na quarta-feira, de acordo com uma contagem da Reuters, enquanto a variante Delta se alastra por áreas onde as pessoas não foram vacinadas.

O país registra uma média de sete dias de 94.819 casos, um aumento de cinco vezes em menos de um mês, mostraram dados da Reuters até quarta-feira. A média de sete dias fornece o quadro mais preciso do quão rápido os casos estão aumentando, já que alguns Estados só relatam infecções uma ou duas vezes por semana.

Nas próximas semanas, os casos podem chegar a 200 mil por dia devido à variante Delta altamente contagiosa, disse o doutor Anthony Fauci, o principal especialista em doenças infecciosas dos EUA, ainda na quarta-feira.

"Se aparecer outra que tenha uma capacidade igualmente alta de se transmitir, mas que também seja muito mais grave, realmente podemos estar encrencados", disse Fauci em uma entrevista à empresa de notícias McClatchy. "As pessoas que não estão sendo vacinadas pensam equivocadamente que só se trata delas. Mas não se trata. Trata-se de todos os outros, também".

Detectada primeiramente na Índia, a variante Delta responde por 83% de todos os casos novos nos EUA, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

As taxas de vacinação variam amplamente, de uma alta de 76% entre os moradores de Vermont que receberam uma primeira dose a uma baixa de 40% no Mississippi, e pesquisas mostram que os republicanos são muito menos propensos a se vacinar do que os democratas.

(Por Roshan Abraham em Bengaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos