Mercado fechará em 5 h 43 min
  • BOVESPA

    110.171,61
    -16,96 (-0,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.020,65
    +221,19 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,43
    +0,18 (+0,24%)
     
  • OURO

    1.786,40
    +4,00 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    16.841,95
    -177,90 (-1,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    395,01
    -6,79 (-1,69%)
     
  • S&P500

    3.941,26
    -57,58 (-1,44%)
     
  • DOW JONES

    33.596,34
    -350,76 (-1,03%)
     
  • FTSE

    7.512,34
    -9,05 (-0,12%)
     
  • HANG SENG

    18.814,82
    -626,36 (-3,22%)
     
  • NIKKEI

    27.686,40
    -199,47 (-0,72%)
     
  • NASDAQ

    11.448,75
    -117,25 (-1,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5001
    +0,0214 (+0,39%)
     

Casos de câncer devem aumentar no Brasil em 2023, alerta INCA

Nesta quarta (23), o Instituto Nacional de Câncer (INCA) fez um alerta para o aumento de casos da doença no Brasil. A estimativa é que o país tenha 704 mil casos novos entre 2023 e 2025, o que representa um aumento de 12,6% em relação ao período anterior (625 mil novos casos).

A estimativa tem a ver com o envelhecimento da população e fatores de risco específicos, como tumores associados a estilo de vida. É a primeira vez que o documento traz dados sobre os cânceres de pâncreas e de fígado, que estão entre os dez tipos mais comuns em varias regiões do Brasil. A lista de tumores malignos mais incidentes no país é a seguinte:

  • Pele não melanoma (31,3% do total de casos)

  • Mama feminina (10,5%)

  • Próstata (10,2%)

  • Cólon e reto (6,5%)

  • Pulmão (4,6%)

  • Estômago (3,1%)

No público masculino, o câncer de próstata é predominante em todas as regiões, com direito a 72 mil casos novos estimados a cada ano, atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Em seguida, está o câncer de cólon e reto, traqueia, brônquio e pulmão, estômago e glândula tireóide.

Casos de câncer devem aumentar no Brasil em 2023, segundo alerta do INCA (Imagem: Zozulinskyi/Envato)
Casos de câncer devem aumentar no Brasil em 2023, segundo alerta do INCA (Imagem: Zozulinskyi/Envato)

Enquanto isso, no público feminino o câncer de mama é o mais incidente (depois do de pele não melanoma), com 74 mil casos novos previstos por ano até 2025. Em seguida, estão câncer de cólon e reto, traqueia, brônquios e pulmão, estômago e colo do útero.

A pesquisa também aponta diferenças em relação às regiões do Brasil: no Norte e Nordeste, tumores associados a infecções são mais comuns, enquanto no Sul e Sudeste há maior incidência de tumores ligados a estilo de vida. O câncer do colo do útero é o quinto mais comum entre as mulheres na região Sudeste, mas ocupa a segunda posições nas regiões Norte e Nordeste.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: