Mercado fechará em 4 h 29 min
  • BOVESPA

    113.331,99
    -1.316,00 (-1,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.641,84
    -156,54 (-0,30%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,16
    +0,88 (+1,07%)
     
  • OURO

    1.769,20
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    61.992,36
    +1.192,98 (+1,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.449,39
    -2,24 (-0,15%)
     
  • S&P500

    4.470,49
    -0,88 (-0,02%)
     
  • DOW JONES

    35.196,87
    -97,89 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.194,68
    -39,35 (-0,54%)
     
  • HANG SENG

    25.409,75
    +78,75 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    29.025,46
    +474,56 (+1,66%)
     
  • NASDAQ

    15.140,00
    +5,50 (+0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4216
    +0,0178 (+0,28%)
     

Casares, sobre acordo com Daniel Alves: 'O São Paulo foi responsável'

·2 minuto de leitura


O presidente do São Paulo, Julio Casares, falou das negociações para rescindir o contrato do lateral Daniel Alves, que foi finalizado na última semana. De acordo com o mandatário, o Tricolor foi responsável ao tomar a decisão.

- O Daniel Alves é um grande jogador, um jogador internacional. Veio para o São Paulo com um salário completamente incompatível com a realidade do São Paulo e do futebol brasileiro. Na época, a diretoria anterior dizia que tinha dois projetos de marketing. Um interno e outro que externo, que pudessem subsidiar 60%, talvez 70% do salário. Isso não aconteceu, ficou impraticável essa sequência orçamentária - disse Casares em entrevista à 'Band'.

O mandatário do São Paulo também explicou o acordo realizado com o ex-camisa 10 do Tricolor, que receberá algo em torno de 400 mil reais em cinco anos pela rescisão do vínculo.

VEJA TABELA E SIMULE OS JOGOS DO CAMPEONATO BRASILEIRO

- Às vezes, o torcedor não entende e diz: 'Poxa, o Daniel precisa de uma liberação do São Paulo para ir até outro clube até o dia 24, por que fazer um acordo? Porque ele pode conseguir uma liminar na Justiça do Trabalho, vai para outro clube e entra com uma ação. O que nós estamos pagando poderia ser três, quatro vezes mais se ele fosse para a justiça, com juros, honorários advocatícios, multas, correção monetária... O São Paulo foi responsável - explicou Casares.

Dani chegou ao São Paulo com status de estrela do time em 2019, na época com um salário de R$ 1,5 milhão. A gestão passada do Tricolor, capitaneada por Leco, tinha o plano de colocar parceiros para ajudar a bancar os vencimentos do jogador, mas a ideia nunca saiu do papel.

Com problemas financeiros e a pandemia de Covid-19, o São Paulo passou a não acordar os valores com o jogador, aumentando a dívida. Dani se despediu do São Paulo com 95 jogos e o título do Campeonato Paulista de 2021.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos