Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.597,44
    -1.024,14 (-1,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.557,27
    -504,34 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    105,90
    -3,88 (-3,53%)
     
  • OURO

    1.808,70
    -8,80 (-0,48%)
     
  • BTC-USD

    18.926,86
    -1.273,38 (-6,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    406,03
    -25,44 (-5,90%)
     
  • S&P500

    3.786,03
    -32,80 (-0,86%)
     
  • DOW JONES

    30.779,71
    -249,60 (-0,80%)
     
  • FTSE

    7.169,28
    -143,04 (-1,96%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    26.393,04
    -411,56 (-1,54%)
     
  • NASDAQ

    11.553,25
    -137,75 (-1,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4818
    +0,0712 (+1,32%)
     

Casal é preso por golpes do PIX em lojas de roupa e eletrônicos no Ceará

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A Polícia Civil do Ceará prendeu na noite de sexta-feira (13) um casal suspeito de utilizar falsas transferências por PIX para praticar estelionato contra lojas de roupas e equipamentos eletrônicos na cidade de Acaraú, a 236 km de Fortaleza.

A Delegacia Regional de Acaraú iniciou as investigações após receber uma denúncia de uma loja de roupas. O casal suspeito teria separado R$ 1 mil em bolsas e roupas masculinas e femininas. No pagamento, o casal apresentou um falso comprovante de pagamento via PIX e deixou a loja antes que a fraude fosse notada.

O mesmo golpe foi aplicado em uma loja de equipamentos eletrônicos. Antes que o casal conseguisse fraudar a compra de aparelhos celulares, o dono da loja identificou o comprovante falso e frustrou o golpe.

"A dupla fugiu do estabelecimento antes de ser acionada alguma equipe policial", diz a Polícia Civil em nota. Munidos de informações cedidas pelas vítimas, investigadores encontraram o casal em um hotel na Vila de Jericoacoara.

Os suspeitos foram identificados como Glauco Faro Lisboa, 36, e Jhennefer Maciel Guimarães, 26.

Os agentes encontraram a mercadoria e apreenderam dinheiro, quatro aparelhos celulares e um veículo. A dupla foi conduzida para a Delegacia Regional de Acaraú, onde Jhennefer foi autuada em flagrante pelo crime de estelionato.

Glauco, "que tentou subornar os policiais para não ser preso", diz a polícia, foi autuado em flagrante pelos crimes de corrupção ativa e estelionato.

"O casal foi encaminhado para uma unidade do sistema prisional, e encontra-se à disposição da Justiça", conclui a polícia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos