Mercado fechará em 2 h 10 min
  • BOVESPA

    125.322,53
    +710,50 (+0,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.100,99
    +190,46 (+0,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,37
    +0,72 (+1,00%)
     
  • OURO

    1.797,70
    -2,10 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    39.286,74
    +1.476,48 (+3,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    922,30
    -7,63 (-0,82%)
     
  • S&P500

    4.397,49
    -3,97 (-0,09%)
     
  • DOW JONES

    34.939,51
    -119,01 (-0,34%)
     
  • FTSE

    7.016,63
    +20,55 (+0,29%)
     
  • HANG SENG

    25.473,88
    +387,45 (+1,54%)
     
  • NIKKEI

    27.581,66
    -388,56 (-1,39%)
     
  • NASDAQ

    14.956,25
    +8,50 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1102
    +0,0018 (+0,03%)
     

Casa Branca espera menor pressão inflacionária ligada à cadeia de abastecimento, mas não sabe quando

·1 minuto de leitura
Visão geral da Casa Branca, em Washington

Por Andrea Shalal

WASHINGTON (Reuters) - O governo Biden espera que as pressões na cadeia de abastecimento, que estão alimentando uma inflação mais alta, diminuam em um "futuro não muito distante", mas não sabe dizer exatamente quando, disse uma autoridade da Casa Branca nesta terça-feira, após dados de junho mostrarem o maior salto nos preços ao consumidor norte-americano em 13 anos.

O funcionário optou por não repetir previsões anteriores de que a inflação atingiria um pico nos meses de verão (no Hemisfério Norte), citando a incerteza contínua sobre as pressões da cadeia de abastecimento e o surgimento de novas variantes da Covid-19.

Questionado sobre se a alta na inflação de certos serviços refletia alguma distorção de preços, a autoridade disse que "isso ainda não foi visto", e acrescentou que é uma questão que vale a pena investigar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos