Mercado fechará em 6 h 6 min

Casa Branca espera aumento da produção de petróleo da Opep+ após viagem ao Oriente Médio

WASHINGTON (Reuters) - A Casa Branca disse nesta segunda-feira que prevê que os principais produtores de petróleo da aliança Opep+ aumentem a produção, após a viagem do presidente norte-americano, Joe Biden, ao Oriente Médio.

"Vamos medir o sucesso nas próximas semanas", disse a porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, em uma coletiva de imprensa. "Prevemos que seja um aumento na produção, mas isso levará as próximas duas semanas, e isso dependerá da Opep+".

Biden viajou para a Arábia Saudita na semana passada, onde se encontrou com a liderança daquele país e outros membros do Conselho de Cooperação do Golfo no Oriente Médio, rico em petróleo.

O governo Biden está sob pressão para cortar os preços da gasolina e outros custos ao consumidor antes das eleições de meio de mandato, de 8 de novembro, nas quais seu Partido Democrata busca manter o controle do Congresso.

Os preços do petróleo dispararam para seus níveis mais altos desde 2008, subindo acima de 139 dólares o barril em março, depois que os Estados Unidos e a Europa impuseram sanções à Rússia por sua invasão da Ucrânia, que Moscou chama de "operação militar especial". Os preços caíram desde então.

A Opep+, que inclui Arábia Saudita e Rússia, se reunirá no dia 3 de agosto.

(Reportagem de Jeff Mason e Trevor Hunnicutt)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos