Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.566,32
    -1.757,77 (-4,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Casa Branca analisa ameaça de ransomware; Biden levará assunto a cúpula com Putin

·1 minuto de leitura
Foto ilustrativa de homem com laptop

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, está analisando a ameaça representada por ataques de ransomware e debaterá a questão do suposto apoio a hackers com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, neste mês, disse a Casa Branca nesta quarta-feira.

"O presidente iniciou uma análise estratégica rápida para tratar da ameaça crescente do ransomware para incluir quatro grandes linhas de esforço", inclusive deter a infraestrutura e os praticantes de ransomware, disse a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki.

Putin e Biden se encontrarão em Genebra no dia 16 de junho em meio a desentendimentos acentuados a respeito de interferência eleitoral, direitos humanos e a Ucrânia.

Uma invasão cibernética com pedido de resgate nas instalações da processadora de carne brasileira JBS nos EUA, noticiada nesta semana, foi o terceiro ataque de ransomware no país desde que Biden tomou posse, em janeiro.

Ainda nesta semana, a JBS disse à Casa Branca que ele foi obra de uma organização criminosa provavelmente sediada na Rússia.

"De fato acreditamos que este será um dos temas que o presidente debaterá com o presidente Putin na cúpula", disse Psaki.

"O presidente Biden certamente pensa que o presidente Putin e o governo russo têm um papel a desempenhar para parar e evitar tais ataques".

(Por Nandita Bose, Doina Chiacu e Heather Timmons)