Mercado abrirá em 2 h 35 min
  • BOVESPA

    119.297,13
    +485,13 (+0,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.503,71
    +151,51 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,14
    +0,96 (+1,60%)
     
  • OURO

    1.744,50
    -3,10 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    63.993,05
    +1.424,55 (+2,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.379,06
    +85,07 (+6,57%)
     
  • S&P500

    4.141,59
    +13,60 (+0,33%)
     
  • DOW JONES

    33.677,27
    -68,13 (-0,20%)
     
  • FTSE

    6.901,16
    +10,67 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    28.900,83
    +403,58 (+1,42%)
     
  • NIKKEI

    29.620,99
    -130,61 (-0,44%)
     
  • NASDAQ

    13.994,75
    +19,00 (+0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8348
    +0,0036 (+0,05%)
     

Carros da Tesla agora podem ser comprados com bitcoin, diz Elon Musk

Tom Wilson e Maria Ponnezhath
·2 minuto de leitura
Tesla/Bitcoin

Por Tom Wilson e Maria Ponnezhath

(Reuters) - Clientes da Tesla agora podem comprar seus veículos com bitcoin, disse o presidente da empresa, Elon Musk, nesta quarta-feira, marcando um passo significativo no uso da criptomoeda.

"Agora você pode comprar um Tesla com bitcoin", disse Musk no Twitter, acrescentando que a opção estaria disponível fora dos Estados Unidos ainda neste ano.

A fabricante de carros elétricos disse no mês passado que comprou 1,5 bilhão de dólares em bitcoin e logo o aceitaria como forma de pagamento para carros, num passo em direção à aceitação popular que fez o bitcoin atingir o recorde de 62 mil dólares.

O bitcoin, maior moeda digital do mundo, subiu mais de 4% após o tuíte de Musk, superando 56 mil dólares.

Musk disse que o bitcoin pago à Tesla não será convertido em moeda tradicional, mas deu poucos outros detalhes sobre como os pagamentos seriam processados. A empresa estava usando "software interno e de código aberto", disse ele.

Empresas tradicionais, como AT&T e Microsoft, que permitem que clientes paguem com bitcoin, normalmente usam processadores de pagamento especializados que convertem a criptomoeda em dólares e enviam a quantia para a empresa.

Como outras criptomoedas, o bitcoin ainda é pouco usado para comércio nas principais economias, devido à sua volatilidade e tempos de processamento relativamente caros e lentos.

Após o investimento da Tesla em bitcoin, empresas como Mastercard e Bank of New York Mellon adotaram o ativo, gerando previsões de que bitcoin e outras criptomoedas se tornarão parte regular das carteiras de investimento.

O presidente-executivo da Uber, Dara Khosrowshahi, disse que a companhia discutiu e "rapidamente descartou" a ideia de investir em bitcoin. No entanto, ele disse que a Uber poderia aceitar a criptomoeda como pagamento. A GM disse que avaliaria se o bitcoin poderá ser aceito como pagamento.