Mercado abrirá em 34 mins
  • BOVESPA

    106.924,18
    +1.236,18 (+1,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.579,90
    +270,60 (+0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,36
    -1,13 (-1,02%)
     
  • OURO

    1.799,80
    -8,40 (-0,46%)
     
  • BTC-USD

    29.693,74
    -716,18 (-2,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    665,21
    -15,90 (-2,33%)
     
  • S&P500

    4.023,89
    +93,81 (+2,39%)
     
  • DOW JONES

    32.196,66
    +466,36 (+1,47%)
     
  • FTSE

    7.417,49
    -0,66 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.336,00
    -46,75 (-0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2879
    +0,0288 (+0,55%)
     

Carnaval fora de época alivia sufoco de loja de fantasias

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*8Arquivo**São Paulo, SP 22/02/2017 Brasil .Movimentação de pessoas comprando fantasias na região da 25 de março, em São Paulo  (Foto:Robson Ventura/Folhapress)
*8Arquivo**São Paulo, SP 22/02/2017 Brasil .Movimentação de pessoas comprando fantasias na região da 25 de março, em São Paulo (Foto:Robson Ventura/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Carnaval fora de época ajudou a impulsionar a procura pelas fantasias, um hábito que havia desaparecido com a pandemia.

O mês de abril, que historicamente costuma ser de vendas mais fracas, registrou alta nas vendas da rede Festas e Fantasias, uma das lojas mais tradicionais do ramo na região central de São Paulo.

As vendas estão, em média, de 30% a 40% acima do normal para o mês, segundo Pierre Sfeir, dono da loja.

Durante o feriado de Tiradentes, além do desfile das escolas de samba, em São Paulo e no Rio, alguns blocos independentes se organizam apesar do cancelamento do calendário oficial.

"A gente pensava que teria até mais movimento, por causa dos blocos, mas já está acima do normal. Estamos passando aperto desde o ano passado. Tudo o que vem para nós é ótimo, melhor do que nada", diz.

No início do ano, o empresário lamentou a suspensão dos blocos de Carnaval pelo segundo ano consecutivo e chegou a estudar o fechamento de lojas.

Sfeir diz que a Páscoa já vinha sinalizando melhora. Segundo ele, as vendas para decoração de shoppings e casas foram 200% superiores às do ano passado. A rede também aposta na volta das festas juninas, mas ressalva que tem receio do impacto inflação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos